segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

As "negociatas" de António Salvador - Limpinho, limpinho e com rating (BBB - Benfica, Braga e Britalar)



Mais um jogo complicado e mais uma vitória. A terceira, no espaço de uma semana e que catapulta o Sporting para a melhor primeira volta da sua história, em termos pontuais. Mas sobre isso falaremos amanhã. Hoje, quero dedicar um post ao Presidente do SC Braga. De facto, esta personagem gosta muito de falar do Sporting por isso achei que seria oportuno falar sobre ele.
  

Vamos lá então saber mais sobre o "artista".

Caso "Trofa"




"Autarca da Trofa terá beneficiado presidente do Sp. Braga"


"A presidente da Câmara da Trofa, a socialista Joana Lima, é suspeita de ter beneficiado o actual presidente do Sporting Clube de Braga, António Salvador, proprietário da empresa de construção Britalar, tendo as instalações do clube sido anteontem alvo de buscas.

A relação entre Joana Lima e António Salvador está a ser analisada ao pormenor pela Polícia Judiciária (PJ), no âmbito de um inquérito que investiga crimes económicos, nomeadamente, corrupção.

A presidente da Câmara da Trofa recusou-se ontem a comentar estes novos dados, tendo remetido todas as explicações para uma nota que enviou à comunicação social. Nesse esclarecimento confirma-se que "elementos da Polícia Judiciária estiveram ontem [anteontem], terça-feira, nas instalações da câmara onde procederam à recolha de elementos, no âmbito de um processo de investigação", como ontem noticiou o PÚBLICO. "A autarquia facilitou a acção dos investigadores tendo prestado todas as informações solicitadas e aguarda serena e tranquilamente o desenrolar da investigação", garante-se na nota. E acrescenta-se: "A presidente da Câmara da Trofa acredita nas instituições e no seu trabalho, bem como nas autoridades e está empenhada em ver esclarecidas, o mais rapidamente possível, todas as dúvidas que alegadamente envolvem a Câmara Municipal da Trofa".

Contactado pelo PÚBLICO, António Salvador remeteu esclarecimentos para o advogado Bruno Macedo, que acompanhou as buscas ao Braga e salientou que o clube colaborou em tudo que foi solicitado. "Nem o Sporting de Braga, nem nenhum elemento do clube são arguidos neste processo", enfatizou Bruno Macedo."

(link notícia)

"Paga o que deves"

 


(link notícia)

Britalar em Moçambique


A construtora Britalar, que pertence ao presidente do Sporting Clube de Braga, António Salvador, está a ser investigada por suspeitas de corrupção em Moçambique. Em causa está um negócio de dez milhões de euros na avenida Julius Nyerere, uma das principais artérias de Maputo. O Gabinete de Combate à Corrupção de Moçambique suspeita de várias irregularidades na adjudicação da obra por parte do Conselho Municipal de Maputo a António Salvador. A investigação visa o consórcio que era liderado pela Britalar e do qual faziam parte mais duas construtoras de Braga: a Europa Arlindo e a Aurélio Sobreiro. António Salvador e os representantes das outras duas empresas foram já ouvidos no processo no início deste ano. "Foram todos ouvidos em janeiro. Na altura, tal como agora, continuamos sem saber o que realmente está em causa. Ninguém nos diz quais são as suspeitas", disse ao CM fonte do consórcio. O contrato – que era financiado pelo Conselho Municipal de Maputo e pelo Banco Mundial – foi celebrado em 2011. As obras começaram no ano seguinte e deveriam estar concluídas em 2013. Os sucessivos atrasos e a má qualidade do trabalho levaram a que, em janeiro deste ano, o contrato fosse anulado, sendo que parte do dinheiro teria já sido entregue ao consórcio. "Esqueça lá isso. Não se passou nada, garanto", disse ao CM António Salvador quando confrontado com as suspeitas de que a sua empresa é alvo. Certo é que foi este o negócio que abriu portas a Salvador em Moçambique. Seguiram-se outras obras de vários milhões.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/nacional/economia/detalhe/negocio_suspeito_envolve_a_britalar.html
Negócio suspeito envolve a Britalar Obras de dez milhões de euros em Maputo estão a ser investigadas. Por Ana Isabel Fonseca A construtora Britalar, que pertence ao presidente do Sporting Clube de Braga, António Salvador, está a ser investigada por suspeitas de corrupção em Moçambique. Em causa está um negócio de dez milhões de euros na avenida Julius Nyerere, uma das principais artérias de Maputo. O Gabinete de Combate à Corrupção de Moçambique suspeita de várias irregularidades na adjudicação da obra por parte do Conselho Municipal de Maputo a António Salvador. A investigação visa o consórcio que era liderado pela Britalar e do qual faziam parte mais duas construtoras de Braga: a Europa Arlindo e a Aurélio Sobreiro. António Salvador e os representantes das outras duas empresas foram já ouvidos no processo no início deste ano. "Foram todos ouvidos em janeiro. Na altura, tal como agora, continuamos sem saber o que realmente está em causa. Ninguém nos diz quais são as suspeitas", disse ao CM fonte do consórcio. O contrato – que era financiado pelo Conselho Municipal de Maputo e pelo Banco Mundial – foi celebrado em 2011. As obras começaram no ano seguinte e deveriam estar concluídas em 2013. Os sucessivos atrasos e a má qualidade do trabalho levaram a que, em janeiro deste ano, o contrato fosse anulado, sendo que parte do dinheiro teria já sido entregue ao consórcio. "Esqueça lá isso. Não se passou nada, garanto", disse ao CM António Salvador quando confrontado com as suspeitas de que a sua empresa é alvo. Certo é que foi este o negócio que abriu portas a Salvador em Moçambique. Seguiram-se outras obras de vários milhões.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/nacional/economia/detalhe/negocio_suspeito_envolve_a_britalar.html



(link noticia)


 Sai um PER para a Britalar



(link notícia)


Bancos reclamam milhões a António Salvador




Mais milhão menos milhão...



(link notícia)


A Britalar e a C.M.Braga



(link notícia)

O S.C. Braga e a C.M. Braga






Cinco vezes mais do que o inicialmente previsto. O projecto inicial avaliava a despesa em 33 milhões de euros, mas os custos derraparam a ponto de agora a auditoria à anterior gestão da Câmara Municipal de Braga cifrar os gastos em mais de 157,8 milhões de euros.

Além disso, o município pode ainda ter de pagar mais de 2,6 milhões de euros que estão a ser reclamados judicialmente pela empresa de Souto de Moura, o arquitecto responsável pelo estádio construído sobre uma pedreira da cidade.

Mas esta nem terá sido a única decisão considerada ruinosa que o ex-presidente Mesquita Machado tomou relacionada com futebol. De acordo com a auditoria, em 2012 o ex-autarca de Braga terá resolvido perdoar 50% dos custos de electricidade do Sporting Clube de Braga. Terá ainda decidido que a partir dessa data "a repartição do custo seria nessa proporção entre as duas entidades". O valor foi debitado pela EDP ao município, embora a auditoria conclua que os gastos com electricidade são da responsabilidade do clube e não da autarquia. A actuação do ex-presidente - actual presidente do Conselho Geral do Sporting de Braga - é ainda agravada pelo facto de ter tomado aquela decisão sem consultar a assembleia municipal.

O departamento jurídico do Município de Braga lamenta não ter "disposição legal" que permita recorrer ao perdão de dívida pelo facto de tal decisão ter sido tomada.

Nos últimos anos, não faltaram queixas anónimas sobre alegado favorecimento do clube. A câmara terá doado ao Sporting de Braga e ao Académica Basquet Clube 221 lugares de parque de estacionamento no Campo da Vinha. Esses lugares terão sido dados pela Bragaparques à autarquia, mas logo de seguida os clubes tê-los-ão vendido de novo à Bragaparques. como contrapartida do negócio e contrapartida à autarquia no negócio de construção. Esses lugares, avaliados em 70 mil euros, terão sido de novo vendidos pelos clubes à Bragaparques.

in  Jornal I (link notícia)


500€/ mês de renda do Estádio

 

 


O SC Braga paga 500€/mês ao município pelo Estádio. Dou um rebuçado a quem adivinhar para quem é que fica o dinheiro do naming que a AXA paga?

BBB - Benfica, Braga e Britalar

"O Benfica e a empresa Britalar chegaram a acordo no processo cível relacionado com alegadas obras não contratualizadas na construção do centro de estágio do clube, no Seixal. Fonte do Benfica confirmou esta quarta-feira à Agência Lusa "a desistência do processo, na sequência de um acordo extra judicial" entre Benfica e Britalar, empresa de António Salvador, presidente do Sp. Braga.

O entendimento já foi comunicado à 13.ª Vara do Tribunal Cível de Lisboa e tem "uma cláusula de confidencialidade" assumida pelas partes, pelo que os termos do acordo não serão tornados públicos. O acordo estabelecido encerra um processo que começou a ser julgado a 2 de junho de 2009, na 13.ª Vara do Tribunal Cível de Lisboa, no Palácio de Justiça. A ação foi interposta pela Britalar contra o Benfica, que também acionou a empresa de construção civil.

O centro de estágio do Benfica foi inicialmente orçado em 12,96 milhões de euros e a empreitada foi adjudicada à Britalar em meados de 2004. Mais tarde, o contrato estabelecido entre Benfica SAD e Britalar foi renegociado em mais 2,5 milhões de euros, mas, como depôs António Salvador na primeira audiência, o clube apresentou mais projetos de especialidade em janeiro de 2005. A Britalar comunicou à Benfica SAD que a adjudicação teria de ser feita mediante o pagamento de mais 3 milhões de euros e, já com as obras a decorrer, foi negociado que o valor a pagar seria de 2,5 milhões de euros.

Contudo, a empresa de construção civil reclamou mais 1,6 milhões de euros em obras alegadamente executadas e que não estavam contratualizadas, enquanto o Benfica opôs-se e também constituiu a Britalar como réu. O processo chegou a ser suspenso para se tentar um acordo extra judicial, mas a Benfica SAD recusou e avançou-se para um compromisso arbitral, designando um tribunal competente, o que não foi possível. Como o entendimento não foi possível, o juiz Nuno Salpico agendou novas audiências, com Luís Filipe Vieira a prestar declarações a 17 de novembro de 2009, numa sessão em que o presidente da Benfica SAD pediu que os jornalistas não assistissem.

O tribunal voltou a deferir um novo pedido de suspensão, para que se chegasse ao acordo. "

(link da notícia) 


Vejamos agora as transferências entre os dois clubes por época, desde que Vieira e Salvador estão no poder.


2015/2016 - Rui Fonte 
2014/2015 - Djavan, Dolly Menga, 
2013/2014 - Hugo Vieira, Michel, Rúben Amorim, 
2012/2013 - Michel, Lima 
2011/2012 - Nuno Gomes, Rúben Amorim, Artur Moraes 
2010/2011 - Quim,  
2009/2010 - César Peixoto
2008/2009 - Jailson
2007/2008 - Luís felipe, Jailson, Miguelito 
2006/2007 - Marcel, 
2005/2006 -  
2004/2005 - Quim 
2003/2004 - Éder Bonfim, Toni, Paulo Fonseca
2002/2003 - Armando Sá, Ricardo Rocha, Mawete Junior

Tudo coincidências. Para o Salvador com amor, deixo o vídeo da última grande conquista...








Mais uma vez um obrigado a todos os leitores que tem ajudado o Blog a crescer neste tão curto espaço de tempo. Se for possível darem um like no Facebook ou subscreverem e seguirem o Blog no twitter era excelente.

17 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Excelente trabalho! Confesso só conheci o blog muito recentemente!

    Vou acompanhar com maior regularidade!

    SL

    ResponderEliminar
  3. Muito bem! À falta de jornalismo sério neste país, temos bloggers que dispõem do seu tempo a compilar estas informações (mesmo que algumas provenham da CS) e a expo-las. Não há cidadão da zona de Braga que não tenha relatos dos calotes dados pelo Salvador.

    SL

    ResponderEliminar
  4. "É nooossa, ééé mesmo nossa, é tooop..., ohhhhhhhhh!". Hahaha. Já parecia a lampionagem ontem ao intervalo e, o fim do jogo do Sporting.

    ResponderEliminar
  5. bem hajam todos os bloguistas q nos mantêm informados, relembrados ou que não permitem q esqueçamos a trampa q é esta gente.

    ResponderEliminar
  6. Fantástico trabalho e assim se descobrem os podres de mais um tremendo Mentiroso deste nosso país.

    ResponderEliminar
  7. Que podridão no futebol português!

    ResponderEliminar
  8. Que podridão no futebol português!

    ResponderEliminar
  9. Muito obrigado a todos. Qualquer dúvida, sugestão para novos posts ou outro assunto podem enviar email (misterdocafe@gmail.com) ou deixar comentário.

    ResponderEliminar
  10. Eheheheh.

    O vídeo da final da Taça é excelente. Não me canso de ver.

    Esse, o dos 3 lampiões do "Jesus no Sporting? AHAHAH", e o do Rui Gomes da Silva no Dia seguinte sobre o mesmo tema.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, deviam estar os 3 nas compilações de final de ano de 2015. Que grande lolada :)

      Eliminar
    2. O video de Braga faz o meu dia quando aparece sempre assim sem anúncio. Mais ou menos o inverso da senhora quando o Montero faz o golo, HAHAHAHAHAHAHAHHA

      Eliminar
  11. Parabéns. Excelente trabalho. O Sporting precisa de sportinguistas bem acordados, como é o seu caso. AA SL

    ResponderEliminar
  12. Os meus parabéns pelo blog também. Neste país onde jornalismo de investigação é uma contradição de termos, blogs como este são serviço público.

    ResponderEliminar
  13. Uma vénia a este post! Excelente! Já és mais jornalista do que 90% dos supostos jornalistas em Portugal! Abraço

    ResponderEliminar
  14. Junta aí mais um B, de Belgrado !!

    http://www.insideworldfootball.com/world-football/europe/18113-serbs-plan-250m-new-national-stadium-in-belgrade

    ResponderEliminar