quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Um aldrabão na Sporting SAD - Parte I


No editorial do Jornal Sporting que foi hoje publicado, os Sportinguistas foram brindados por uma dose inacreditável de aldrabices por parte de André Bernardo, recentemente escolhido por Frederico Varandas para director do jornal e para administrador da SAD. As aldrabices foram tantas que não as consigo desmontar num único post, por isso farei uma série de posts sobre o assunto.

A criatividade que prolifera na cabeça de André Bernardo



Desde logo, tenho de começar por realçar a aldrabice de se dizer "no âmbito do acordo por Gelson de 30M€". Este aldrabão quer fazer passar a ideia que o Gelson rendeu 30 milhões de euros ao Sporting, quando na realidade rendeu 22,5M, tendo o Sporting gasto automaticamente 7,5M para ficar com Vietto. Um atleta cuja futura venda só rende ao Sporting 50% do valor.

Mais um daqueles brilhantes negócios fechados pela troika Varandas/Viana/Mendes que termina com a famosa "chapa 15M" se aos 22,5M descontarmos os 7,5M de Vietto. Deixo-vos com o comunicado do Sporting à CMVM para que não restem dúvidas.

Link (aqui)

Reitero. Este tipo é um aldrabão.

Por curiosidade, podem verificar que no último ReC publicado pela Sporting SAD referente a 31/03/2020, o Atlético de Madrid já tinha liquidado os 22,5M de euros, estando o Sporting a dever 3,750 milhões de euros ao clube espanhol, como oportunamente demonstrei (aqui). 

Mas vamos lá então ver onde é que a "criatividade prolifera", comparando os valores apontados por este aldrabão com as informações oficiais publicadas na CMVM. Começo pelo mercado de inverno de 2019/2020, primeiro mercado feito pela administração de Frederico Varandas. 

De facto, nesse mercado o Sporting adquiriu 7 atletas, mas não pelos 12,3 milhões de euros anunciados no editorial. Na realidade foram 13,816 milhões euros, conforme se pode ver nas diversas comunicações à CMVM, como a que coloco de seguida, referente a esse mercado.

Comunicado Sporting CMVM (aqui)
Basta somar o valor da compra às comissões. E já nem estou a entrar nos bónus pagos em algumas destas transferências, porque esse informação não é disponibilizada. 

Passando para o mercado de verão de 2019/2020, André Bernardo considerou a aquisição de 5 jogadores pelo valor de 20,5 milhões de euros. De facto foram adquiridos 5 jogadores, mas por muito mais do que este senhor anunciou. 

Comunicado Sporting CMVM (Aqui)

Desde logo, "esqueceu-se" de dizer que o "custo zero" de Luís Neto foram 400 mil euros entre comissões e prémio de assinatura. Depois, esqueceu-se de dizer que Luciano Vietto custou 7,5 milhões de euros + uma "comissão anual de manutenção", que terá de ser paga esta época, no valor de 175 mil euros. Mas esta até dou de barato. 

Curiosamente, também se esqueceu de mencionar os 600 mil euros de comissão na compra de Rafael Camacho, os 267 mil euros de comissão na compra de Rosier e os 300 mil euros de comissão na compra de Eduardo. Curiosamente, três jogadores que estão na porta de saída, não tendo sido sequer chamados a fazer a pré-época. Três verdadeiros magos da bola que custaram ao Sporting a módica quantia de 14,167 milhões de euros. A tal "herança lamentável".

A desonestidade deste sujeito também não lhe permitiu dizer que no negócio de aquisição de Rosier foi incluída a totalidade do passe de Mama Baldé, jogador avaliado em cerca de 3 milhões de euros e que até chegou a ser noticiada uma proposta de 5 milhões de euros vinda da arábias. Se bem se recordam, foi também noticiada uma proposta ainda no decorrer do campeonato de 1,5M do próprio Desportivo das Aves - clube onde o jogador esteve por empréstimo tendo sido um dos destaques dos Avenses (10 golos e 3 assistências) - que já tinha comprador para fazer a revenda do atleta. Proposta rejeita pelo Sporting. Portanto, no mínimo dos mínimos, e estando a ser simpático, estaríamos a falar de pelo menos 1,5M de euros "oferecidos" na transferência do Rosier.

Rosier que ontem fez anos e que nem teve direito à tradicional publicação de felicitações do Sporting. É o tal "saber estar" tão apregoado por esta malta.

Link da notícia (aqui)

Mas estas aldrabices ainda não eram suficientes para André Bernado, que decidiu ocultar os 2 milhões de euros pagos pelo empréstimo de Jesé, o famoso "avançado centro" de Frederico Varandas. 

Comunicado Sporting CMVM (Aqui)
Portanto, os tais 20,5 milhões de euros que este sujeito diz que o Sporting "gastou" no mercado de verão de 2019/2020, foram na realidade mais de 24 milhões de euros, e isto sem contar com o prémio de permanência de Vietto (175 mil euros) nem com os 3 milhões do passe de Mama Baldé. Se o fizesse estaríamos a falar de mais de 27 milhões de euros. 

Para terminar, fala nos em 6 milhões investidos em Sporar quando na realidade foram 6,5 milhões de euros.

Link CMVM (aqui)
Mais uma vez, não deu jeito contabilizar a comissão.

Vamos a contas finais:


Como podem verificar, o Sporting "gastou" cerca de 44,5 milhões de euros. Isto sim, é factual. E importa dizer que não estou sequer a contabilizar o valor do passe de Mama Balde, nem bónus, nem comissões de manutenção. Se o fizesse estaríamos a falar de um valor "gasto" na casa dos 50 milhões de euros.

Mas para este aldrabão o Sporting "gastou 31,3M + 7,5M por Vietto". Esta forma de apresentar um equação para enganar os Sportinguistas é uma vergonha e é digna apenas dos mais experientes aldrabões encartados.

Apesar disso, esta aldrabice daria um valor total de 39 milhões de euros (31,3M+7,5 do Vietto), ainda longe dos 44,5M efectivamente gastos em transferências (sem contar com Mama Baldé). A realidade é que para além de aldrabão estamos a lidar com um canalha, capaz até de excluir as comissões dos valores pagos nas transferências de jogadores. Mas enfim, não se pode dizer que um sujeito com estas características esteja mal enquadrado na actual estrutura da Sporting SAD.

To be continued...


Podem seguir o blog nas redes sociais nos links seguintes:
Facebook: (aqui)  Twitter: (aquiInstagram: (aqui)

13 comentários:

  1. vergonhoso, estamos mesmo entregues aos bichos!

    ResponderEliminar
  2. Não creio que esse tipo de adjectivos para uma pessoa seja correto, mesmo que tenha alguns equívocos.

    ResponderEliminar
  3. Bravo, mister! Não os podemos poupar, é colocar tudo em pratos limpos.

    ResponderEliminar
  4. Bravo, Mister! Não os poupe, coloque tudo em pratos limpos! Para que esta gente não se governe com o meu dinheiro, já cancelei o débito direto para o pagamento das quotas.
    ANDRÉ BERNARDO É ALDRABÃO.

    ResponderEliminar
  5. Eu aprecio o seu esforço e a sua militância, é o que me dá alento! Mas está corja jamais sairá de lá. Como já li por aí, BdC "largou" o brinquedo, mas não lhas deixou o manual de instruções!

    ResponderEliminar
  6. Extraordinário como estes paladinos das "boas maneiras" e da "elevada educação", conseguem mentir, sem se rirem.
    Porca miséria!

    ResponderEliminar
  7. um aldrabão ? vários , e este nem é o maior .E ladrões ?????

    ResponderEliminar
  8. Aldrabão é apelido de família num clube entregue a rivais...

    ResponderEliminar
  9. Por falar em contratações, para que fique devidamente apresentado o Nuno Santos:

    https://ibb.co/KWFnqQW

    ResponderEliminar
  10. Bom texto!

    Que alguém espete isto na cara da Direcção numa próxima AG...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se for numa AG do clube vão dizer que isto é assunto da SAD. Se for numa AG da SAD vão dizer que é assunto do clube.

      Eliminar
  11. Mas quem é esse miúdo André Borrado? algum delegado de turma de algum colégio privado de Lisboa? ou algum presidente de associação de estudantes de algum liceu de Cascais? Aguardo resposta! Obrigado.

    ResponderEliminar