" Mister do Café: Balanço da Uefa Futsal Cup

segunda-feira, 1 de maio de 2017

Balanço da Uefa Futsal Cup


O futsal leonino sofreu ontem a maior derrota da sua história ao perder a Final da Uefa Futsal Cup frente ao Inter Movistar de Espanha. Algo que merece um reflexão em jeito de balanço daquilo que foi a participação leonina na competição.

Uefa Futsal Cup


A competição começou oficialmente e sob a égide da Uefa em 2001/2002. Nestas 16 edições o Sporting participou por 8 ocasiões. Nestas 8 participações o Sporting conseguiu chegar por 5 vezes às meias-finais e participou ontem na sua segunda final.

2001/2002 - Eliminados na meia-final. (Na altura não existia jogo de atribuição de 3º e 4º lugar)
2004/2005 - Eliminados na 2ª ronda num grupo com (Inter, Charleroi e Litija).
2006/2007 - Eliminados na ronda de elite num grupo com (Dinamo de Moscovo, Shakthar Donetsk e CIP Deva)
2010/2011 - Vice-campeão
2011/2012 - Quarto lugar
2013/2014 - Eliminados na ronda de elite
2014/2015 - Terceiro lugar
2016/2017 - Vice-campeão

Os vencedores


Vencedores da Uefa Futsal Cup

O Inter é de longe a equipa com mais sucesso na competição com 4 títulos. 


Em termos de presença em finais, o Inter é o clube com mais presenças. Destaque para o Dínamo de Moscovo que tem 6 finais e apenas uma conquista. 

Os números da derrota


- Esta foi a segunda vez que o Sporting sofreu 7 golos numa competição europeia. Em 2004/2005 os leões perderam por (7-4) na Bélgica frente ao Charleroi que viria a sagrar-se campeão europeu nessa época. Até ao dia de ontem, a derrota mais pesada tinha acontecido em 2006/2007 frente ao Dínamo de Moscovo (5-0), que viria a sagrar-se campeão europeu nessa época. 

- Não consegui confirmar os números relativos ao campeonato nacional, mas julgo que o Sporting nunca terá sofrido 7 golos nas competições internas. E muito menos sem golos de resposta.

- Em 47 jogos na UEFA, só por 3 ocasiões o Sporting não marcou golos.

- Nuno Dias é treinador do Sporting desde 2012/2013. Até ontem, os leões por si comandados nunca tinham chegado ao final de uma partida sem marcarem pelo menos um golo. 


O adversário


Nos prémios da Futsal Planet divulgados recentemente, a equipa do Inter foi considerada como a melhor do mundo e como tendo o melhor treinador e o melhor jogador do mundo. Só por aqui já se percebe o poderio dos espanhóis. O Inter que já era a equipa com mais finais e vitórias na competição, ainda antes desta final 4 começar. Para além de tudo isto, o campeonato espanhol é o melhor do mundo e a competitividade é enorme. Para que se perceba melhor, o Inter sofreu 5 derrotas na fase regular do campeonato espanhol. O Sporting não sofreu nenhuma derrota e tem apenas 3 empates. E para fechar, a limitação de estrangeiras vergonhosamente imposta esta época pela FPF não se aplica em Espanha o que permite a utilização sem limitação dos jogadores.

A época europeia e o investimento


Fiz este enquadramento inicial em relação ao histórico de resultados para que se perceba melhor que o desnível nesta final só pode ser encarado como uma vergonha, quer pelos adeptos quer pelo clube. Foi provavelmente, o dia mais negro da história do futsal leonino. Mas tudo isto não invalida que se analise seriamente todo o trabalho que tem sido feito pela secção. Vejamos:

Nas últimas duas épocas a direcção tem investido na equipa através da contratação de jogadores de categoria indiscutível. Este investimento visa dotar a equipa de condições para continuar a vencer internamente e disputar claramente a Uefa Futsal Cup. E é isto que tem acontecido. O Sporting é líder isolado na Liga Portuguesa com 7 pontos de avanço a uma jornada do final da fase regular. Está nos quartos de final da Taça de Portugal e já venceu a Taça da Liga e a Taça de Honra da AFL. Na época anterior, os leões fizeram um inédito quadruplete que pode ser repetido esta época.

Se há equipa que merece os elogios dos Sportinguistas é a equipa de Futsal. Para mim é mesmo a "secção modelo" do Sporting. Miguel Albuquerque na direcção, Nuno Dias no comando técnico e a classe colectiva e individual dos jogadores são "o" exemplo a seguir. Foi com uma enorme tristeza que vi o jogo de ontem, mas fiquei ainda mais triste com a reacção de alguns Sportinguistas. No desporto não há vitórias feitas ou fáceis. Neste caso, nunca seria uma vitória fácil e é preciso relembrar que não partíamos sequer como favoritos. 

Relembro que dos 4 finalistas, o Sporting era a única equipa sem qualquer título na competição. Também em termos de orçamento o Sporting era a equipa mais fraca das quatro presentes. Bem sei que os orçamentos e a história não ganham títulos, mas parece-me que todos fizeram tudo o que podiam para vencer esta final. Infelizmente, nada correu bem ao Sporting no jogo de ontem.

Perante tudo isto, não consigo criticar esta equipa que ainda na sexta-feira fez uma exibição brilhante eliminando o campeão europeu em título isto quando na fase de elite já tinham eliminado o Dínamo de Moscovo (6 vezes finalista). 

Este resultado é inglório e vergonhoso, mas não contem comigo para enxovalhar uma equipa que tem dado tantas alegrias aos Sportinguistas. Mais tarde ou mais cedo, acabaremos por vencer esta competição. Quem sabe se até não pode ser já na próxima época. Para o conseguirmos temos de começar já por ganhar o campeonato nacional. É o primeiro passo para estarmos novamente entre a elite europeia e é neste objectivo que nos devemos concentrar a partir de hoje.  

Estou muito triste e desiludido com o resultado, mas confio nos nossos para darem a volta a este momento difícil. Ainda há muito para conquistar na época.


Mensagem de Miguel Albuquerque


Fica também a mensagem de Miguel Albuquerque dirigida aos Sportinguistas no final da competição.


Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

10 comentários:

  1. sofreu 7 golos em competições internas pelo menos uma vez (sofreu 8, até), num jogo que acabou com o resultado em 7-8 para o slb:

    http://www.zerozero.pt/jogo.php?id=2866229

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem me parecia que tinha existido um derby com muitos golos. Obrigado!

      De qualquer forma não devem existir muitos mais jogos com tantos golos sofridos.

      Eliminar
    2. Por estes números, 7 de diferença, perdemos no Alpendorada, na época 2007/08.

      O resultado foi de 1-8, num jogo em tudo similar ao de ontem (a sofrer imensos golos no 5 para 4) mas com a agravante de ter sido contra uma equipa que era muito inferior ao Sporting.

      http://m.zerozero.pt/jogo.php?id=272469

      Eliminar
  2. mister, não foi vergonha nenhuma! foi um dia em que tudo correu mal, desde a prestação individual à colectiva passando pela dualidade gritante de critérios da dupla de arbitragem. correu tudo bem ao inter pela diferença de mentalidade e experiência. quem conhece esta equipa (ou família)sabe que irão dar a volta por cima e que o trabalho será recompensado no final da época. demos apenas mais um passo para poder alcançar este troféu num futuro próximo. houve falhas que o Nuno saberá e irá corrigir. esta é a melhor equipa de sempre do sporting mas também pode falhar.

    ResponderEliminar
  3. Sim, e faltou dizer uma coisa. O inter participou em 7 finais porque foi eliminado pelo Sporting em Almada, caso contrário teriam sido 8 finais (em 9 participações)

    ResponderEliminar
  4. Mesmo assim perder perder 7 sem resposta numa final e sempre mau.
    Não podemos ter um discurso de orgulho qd se perde desta maneira e por numeros tao expressivos.Nao vi em nenhum dos 4 golos iniciais nemhumas jogadas de genio do IM , vi sim desconcentração em todos esses lances por parte dos jogadores do SCP. Imcompreensivel.

    ResponderEliminar
  5. Imcompreensível é terem chegado hoje a Lisboa e não terem ninguém a apoiá-los!!!!

    ResponderEliminar
  6. Sportinguista sério não se envergonha deste resultado e muito menos desta equipa.
    Foi apenas uma derrota justa por números injustos
    A nós tudo o que poderia correr mal correu mal e ao Inter tudo o que poderia correr bem correu bem.
    Se o Nuno Dias fosse um treinador medricas e pouco ambicioso a partir do 3-0 ou 4-0 pensava em perder por poucos e não em jogar sem guarda redes. Parabéns pela coragem Nuno Dias.
    É hora de nos levantarmos sacudir o pó e lamber as feridas e atacar todas as provas até ao final da época.
    Não será certamente um jogo que irá abalar o orgulho que os verdadeiros Sportinguistas têm por esta equipa, por esta secção e principalmente por este treinador. Força Sporting

    ResponderEliminar
  7. Tinha ideia de o Benfica ter sido o único clube Portugues a ganhar esta prova por uma vez.
    É bom saber como se contabilizam os "titulos" para os lados de alvalade. 2 vices para os de alvalade que valem o mesmo que o titulo do Benfica mais um vice.
    Ridiculos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ridículo é o comentário de quem não tem capacidade para ler.

      Eliminar