" Mister do Café: O "caso" João Mário Eduardo

quarta-feira, 8 de junho de 2016

O "caso" João Mário Eduardo



O "caso" João Mário Eduardo



A silly season está mesmo ao rubro para os lados do jornal Abola. Depois de na passada segunda-feira terem presenteado os leitores com o destaque de capa a ser dado a um olheiro do Benfica, ontem o destaque foi para uma entrevista ao Pai de João Mário.

Vamos lá analisar todo o caso, ponto por ponto.

Entrevistas a familiares?


Primeiro que tudo é necessário perceber como é que o pai do jogador tem direito a tempo de antena. 

OPÇÃO 1 - Será que foi o jornal Abola que se lembrou de ligar ao senhor?

Não me parece que uma entrevista a um familiar de um jogador tenha grande relevância, ainda para mais de um jogador que os jornais optaram por ignorar durante toda a época. Curiosamente, o jogador teve apenas uma capa no jornal durante toda a época. Neste capítulo, pai e filho estão empatados.

Sinceramente não me recordo da ler entrevistas de outros familiares de jogadores com destaque de capa. Provavelmente o problema será meu...

OPÇÃO 2 - O Sr. ligou para o jornal pedindo para ser entrevistado?

Também pode ter sido esse o caso. O Sr. estava muito entusiasmado para falar do filho e lá pediu para lhe fazerem uma entrevista.

OPÇÃO 3 - Empresário do jogador 

Será que foi o empresário do jogador a promover estas declarações? O que é certo é que hoje quando foi confrontado com o caso o empresário do jogador, Kia Joorabchian afirmou "Sou um representante do senhor João", "Já foi tudo dito. De momento não temos comentários ou questões a responder".

As declarações


"O João está magoado com o Sporting" - Magoado com o clube que lhe deu tudo o que tem? Magoado com o clube que o recebeu com apenas 10 anos de idade (13 anos de Sporting).

"Se um funcionário tem um rendimento anual satisfatório, a política é compensar o esforço e produtividade. É normal que esteja magoado, pensa que não está a ser suficientemente valorizado." - Este argumento é sempre interessante de ouvir por parte dos agentes dos jogadores. Curiosamente, não os vejo a reclamar quando um jogador ganha milhões e não rende absolutamente nada. Eu cá gostava era de ler uma entrevista ao agente do Taarabt...

O Sporting diz que o João vale 60 milhões e paga-lhe como 10" - Mas alguém lhe apontou uma arma à cabeça para assinar um contrato com cláusula de rescisão de 60 Milhões? E se o jogador começar a jogar como um jogador de 1 milhão? O paizinho devolve o resto do salário ao Sporting!?

As renovações


Aos jornaleiros deste país não interessa referir factos concretos. Vejamos:

Nos três últimos exercícios económicos, João Mário Eduardo renovou sempre com o Sporting.

Março 2013 -  Primeiro na época 12/13 ainda com Godinho Lopes fez o seu segundo contrato como Profissional. Nessa fase viu as suas condições serem melhoradas. Relembro que nesta fase era um jogador da equipa B. 

Julho 2013 - No início da época 13/14, Bruno de Carvalho renovou-lhe o contrato oferecendo-lhe condições acima da média para um jogador profissional. O jogador continuou na equipa B na primeira metade da época e depois rumou ao Vit. Setúbal por empréstimo. Regressou ao Sporting na época 14/15 e fez uma época excelente, tendo inclusive chegado à selecção nacional. 

Agosto 2015 - No início da época 15/16, o Sporting voltou a renovar contrato com o jogador dando-lhe condições que o colocam entre os mais bem pagos do plantel.

JOÃO MÁRIO RENOVOU O CONTRATO EM 13 DE AGOSTO DE 2015. AINDA NÃO PASSARAM 10 MESES.

Objectivo das declarações


João Mário é nesta altura um jogador muito cobiçado por grande clubes europeus. Entretanto o Presidente do Sporting já avisou que só venderá os jogadores importantes pelos valores das cláusulas. Para além desta posição ser legítima, tem todo o sentido quer do ponto de vista desportivo quer financeiro. Se continuar a evoluir, João Mário valerá muito mais na próxima época do que vale hoje.

Os agentes dos jogadores gostam é de ver o dinheiro a circular. Enquanto não há transferências as comissões milionárias não aparecem...

Resultados das declarações


Os dirigentes do Sporting mantêm-se tranquilos em relação a este assunto. João Mário renovou há cerca de 10 meses e tem contrato até 2020. Os adeptos do Sporting também estão tranquilos e alertas para estas situações que visam desestabilizar o jogador/clube criando casos onde não existem. 

A imagem do pai do jogador está nesta fase "queimada" entre os Sportinguistas. Relembro que o Sporting é responsável pela carreira de João Mário e Wilson Eduardo. Se alguém deve algo a alguém não será certamente o Sporting.

O jogador é fortemente prejudicado com todo este caso em volta do seu nome. Ainda para mais, numa fase onde vai disputar a sua primeira grande competição e onde previsivelmente será titular da equipa nacional. Esperemos que se consiga abstrair de todo este ruído e fazer o que melhor sabe.

Entretanto as montanhas continuam a parir ratos...


Com Sportinguistas destes, quem precisa de inimigos!? Alguém avise o senhor que o jogador tem contrato até 2020. Se quiserem saber sobre Rui Barreiro basta clicarem (aqui).


Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 
Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

23 comentários:

  1. Enfim, carvoadas à moda do Porto Brandão.
    Acho que por esta altura qualquer sportinguista minimamente atento já sabe o que esperar durante uma pré-época.
    O jogador tem contrato ate 2020 e não é certamente com " pressões" destas que o BdC, ou qualquer sportinguista deve perder o sono.
    O JM devia era mandar o pai fechar a matraca que só o prejudica aos olhos da direcção, colegas de equipa e massa associativa.

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  2. Tudo certíssimo!

    Mas o João Mário devia ter vindo a publico ontem, e logo durante a manhã, desmentir isto. E não o fez!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo. Aliás gostava de saber qual terá sido a reacção (se teve alguma) do Adrien Silva, capitão do Sporting e companheiro no estágio de seleção, ao ver esta capa.

      Eliminar
    2. O João Mário está em estágio na Seleção Nacional...

      Eliminar
    3. Até podia estar a comer 10 gajas boas... Tinha, acho que era obrigação dele, de vir desmentir isto. É a minha opinião!

      Quando metem palavras na tua boca, ou te calas e assumes essas palavras, ou vens dar a dar e desmentir isso! Serve para tudo na vida!

      Eliminar
    4. Não culpo o jogador. Foi colocado entre a espada e a parede. Ou ataca a família ou ataca o Sporting.

      Acho que neste momento o silêncio é de ouro.

      Eliminar
    5. Eu também não culpo o jogador pelas declarações idiotas do pai. Mas culpo por não vir desmentir o que o pai disse. Ou então é verdade e nesse caso tem de se culpar o jogador também. Não se pode passar entre os pingos da chuva numa situação destas.
      Ou é falso e ele tinha de vir desmentir, ou é verdade e ele não tem de vir desmentir. Ou tem alguma culpa porque não desmentiu, ou tem alguma culpa porque se acha prejudicado... Não é inocente nisto!

      Eliminar
    6. MC, não conhecemos as reais declarações do João-pai, nem sabemos que perguntas lhe foram feitas. Porém, conhecemos aburla e os seus interesses e ficamos a saber da existência deste Kia que não se demarcou da reportagem e que, parece-me, nem sabe que o João renovou no verão passado.

      Claro que o sr Barreiro, putativo candidato à presidência do Clube, tinha que aparecer, ou não fosse ele a voz e o rosto de uma oposição que teima em não dar a cara, porque é nas sombra, escondida, que certa "gente de bem" manobra.
      (Acredito que ainda havemos da saber, um dia destes, quem paga os almoços do sr Barreiro...)

      Por mim, deixávamos o "nosso" João focado no que está a fazer, ajudando-o a fazer um grande europeu. Depois, haverá tempo para esclarecer o que tiver que ser esclarecido.

      Eliminar
    7. Segundo veio na CS foi o Sporting que entregou a possível venda do JM ao tal Kia... Portanto o Kia deve estar a par das coisas todas. Obviamente que não comenta porque não quer deitar mais álcool para a fogueira ateada pelo pai do JM.
      O JM tem demonstrado sempre uma postura irrepreensível, até acontecer este caso. E, como disse, só o critico por não vir desmentir o que disse o pai...

      Eliminar
  3. Comigo o jornal "A Bola" e demais publicações lampiónicas, bem como os seus jornaleiros morrem à fome, pois nem um tostão é por mim gasto neste lixo. O meu esforço neste momento é fazer com que os sportinguistas menos atentos a estes fenómenos de comunicação aprendam a ler nas entrelinhas e nesse sentido, tenho de dizer que as publicações do misterdocafé ajudam muito a perceber estas jogadas sujas, de quem anda no futebol pelos piores motivos. É continuar. Sporting Sempre!

    ResponderEliminar
  4. Comigo o jornal "A Bola" e demais publicações lampiónicas, bem como os seus jornaleiros morrem à fome, pois nem um tostão é por mim gasto neste lixo. O meu esforço neste momento é fazer com que os sportinguistas menos atentos a estes fenómenos de comunicação aprendam a ler nas entrelinhas e nesse sentido, tenho de dizer que as publicações do misterdocafé ajudam muito a perceber estas jogadas sujas, de quem anda no futebol pelos piores motivos. É continuar. Sporting Sempre!

    ResponderEliminar
  5. O que eu gostaria mesmo de saber e é o que realmente me preocupa e valorizo, é se o João Mário está ou não insatisfeito com a situação que o Pai falou; se estiver, e como é habitual nestas situações o jogador até pode ter um contrato de 10 anos, mas vai começar a jogar contrariado e o seu rendimento e respetivo valor de mercado vai começar a descer a pique. É bom que Bruno de Carvalho não se esqueça o que aconteceu com Carrilho.

    Se há dinheiro para aumentar ainda mais o estratosférico contrato de Jorge Jesus, sem este pouco ou nada ter ganho e até o próprio salário do Presidente para o dobro... acho que o João Mário também merece então que seja revista mais uma vez a sua situação contratual.

    Juca

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O JM renovou há menos de 1 ano e tem mais 4 anos de contrato. Dada a sua valorização na última época não tenho dúvidas que, não sendo transferido, vai ver a sua situação contratual melhorada. Como tem acontecido com TODOS os jogadores que se destacam no plantel.

      Agora o pai/empresário dar uma de Cátio Baldé e uns dias após o fim da época vir para os jornais tentar renegociar contratos e chorar, não é a melhor forma de abordar o assunto.

      Aliás, a tesão do mijo foi tanta que aquela espécie de Baldé veio chorar que não cumpriram a promessa de uma melhoria salarial antes do euro... mesmo admitindo que a promessa é verdadeira creio que o euro ainda não começou...

      Se para o Juca, o ideal era irmos a correr aumentar-lhe o salário e baixar a cláusula após esta afronta do pai/empresário de JM, dou graças a deus o SCP não ser gerido por um qualquer Juca e andar a renegociar contratos ou ceder a transferências sob ameaças feitas na imprensa.

      Também noto que o seu comentário não é coerente no repúdio da extensão de contrato e (suposta...) melhoria salarial de JJ (melhor pontuação de sempre do SCP só perdendo contra uma equipa movida a vouchers e cortesias, futebol de alto nível, valorização activos, etc.) enquanto advoga a melhoria salarial imediata para quem quer negociar pelos jornais.

      No fundo, o mais prejudicado com todas estas movimentações à Baldé é o próprio jogador que há 10 meses assinou de livre vontade um compromisso por 5 anos e que a uns dias de começar a sua primeira prova internacional onde pode surgir como figura de destaque se veja envolvido numa polémica desta natureza que só o prejudica.

      Eliminar
    2. O JJ não foi aumentado!
      Isso foi explicado na altura! Portanto a tua argumentação, Juca, cai pot terra só por este facto.
      Depois, como disse o sar, o JM foi aumentado em Agosto de 2015, e já tinha sido aumentado em 2013 e em 2014.
      Se ele não sair este ano, e só vais saber isso algures até 1 de Setembro, tenho a certeza que o BdC vai rever o contrato mas vai querer aumentar a clausula para os 80M€. Isto até já foi falado na CS...
      Ele ganha algures entre os 600mil e os 800mil por ano. O Renatinho nem 50 mil ganhava e tinha uma clausula de 80M€...
      As clausulas ajudam os clubes e os jogadores a puxar o seu valor para cima, quando há real interesse dos clubes em contratar um jogador. Portanto, é bom para os 2 lados. É preciso é ter calma e esperar o momento certo para sair... E fazer por isso dando ao pedal e jogando bem!

      Eliminar
    3. E já agora um detalhe, não vejo mal nenhum o salário do presidente do Sporting ser actualizado para um valor condigno com a situação.
      5.000 ano era muito pouco e percebe-se que numa situação de emergência o presidente queira dar o exemplo. A partir que o clube começa a ter alguma estabilidade financeira é actualizar. Não me chocava um valor na casa dos 20.000/mes no caso de determinados objectivos serem cumpridos. (não esquecer que já lá tivemos presidentes a ganhar 400 mil ano http://www.dn.pt/desporto/sporting/interior/salario-de-400-mil-euros-para-bettencourt--1375551.html
      10.000/mês para a situação actual do pais, aceita-se, mas não é nada do outro mundo para o que o cargo exige, a exposição mediata...

      Prefiro que o recebem pela frente do que aproveitem-se do clube para ganhar negocios e meter ao bolso entre outras muitas coisas...

      Eliminar
  6. O JM renovou contrato há dez meses, com melhoria salarial. Se de 10 em 10 meses os jogadores ou alguém em seu nome(?) exigir/pedir aumento salarial ao Sporting e o clube anuir, na próxima época estamos ao nível da massa salarial do Real Madrid...E tu anónimo das 13:11 estás pronto a pagar o dobro pela gamebox para fazer face ao aumento de custos? O mais provável é nem seres sócio. Estes "casos" só acontecem, só são criados, ao Sporting pois a pasquinada está sempre pronta a dar palco a algo que belisque o Sporting. Comigo não se safam já não compro pasquins há mais de 2 anos e olhem que tenho poupado bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ora aí está !
      A poupança nos pasquins pagam as cotas e a Game Box !

      Eliminar
    2. Eu e que já não me lembro de comprar esses jornalecos de merda,e tenho influenciado familiares e amigos a fazer o mesmo.Ja pude assim ajudar para a missão Pavilhão.SL

      Eliminar
    3. Eu e que já não me lembro de comprar esses jornalecos de merda,e tenho influenciado familiares e amigos a fazer o mesmo.Ja pude assim ajudar para a missão Pavilhão.SL

      Eliminar
  7. Caro M Pereira,
    Posso dizer que a poupança em pasquins no ano 2015, deu para: Pagar as quotas do ano 2016 (até agora), Pagar a Gamebox 2016/2017 e ainda uma Missão Pavilhão. E com os meus filhos - que acabaram por seguir o meu exemplo e conselho - passou-se o mesmo. Ganhamos nós, ganha o Sporting, e perdem os pasquins e os seus mentores.

    ResponderEliminar
  8. A situação é de facto muito estranha e o Mister faz algumas observações pertinentes.
    Contudo há que ter muito cuidado na forma como se aborda o assunto partir daqui. É um caso muito delicado pela forma como foi criado.
    Há sem dúvida nenhuma influências suspeitas nas declarações do pai do jogador. Isso é ponto assente. O Presidente precisa de ter muito cuidado porque umas vez mais foram muito ardilosos na forma como nos criam um caso de difícil resolução.
    O jogador está ausente e provavelmente várias semanas, está permeável às influências de jogadores de outras equipas e de outros empresários e não se esqueçam quem é o verdadeiro dono da selecção.
    É uma situação muito ingrata mas eu não vejo outra solução senão aumentar o ordenado do jogador. De outra forma o passe pode desvalorizar caso ele inicie a época contrariado. Vender já é sempre mau porque com base no desentendimento gerado pelo pai do jogador os hipotéticos compradores tudo farão pr o levar abaixo do valor real.
    É mais uma facada nas costas do clube... numa altura em que o jogador está na selecção e tudo se torna mais complicado de resolver. É triste.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que o tempo das cantigas já lá vai. De todos os casos que já passaram ouve sempre jogo de cintura do Sporting para tentar chegar a um acordo (não me esqueço que meteram um papel à frente do carrillo a perguntar quanto é que queria ganhar). O Slimani quando foi contratado também foi logo aumentado. Apercebeu-se que o salário que ganhava era muito mais baixo do que o que se pagava por cá aos titulares. Andamos a contar os tostões mas existe racionalidade na negociação.

      Uma coisa é o que vem na CS e o que terceiros interessados na permanência, ou não, do jogador fazem, outra, completamente diferente, é o que se passa. Se houver vontade do jogador de ficar, como já aqui disseram, as coisas fazem-se com calma. Agora não pensem que o Sporting é o bazar da esquina em que trememos de medo por umas larachas enviadas na CS.

      Eliminar
    2. Absolutamente de acordo, Pedro!

      Eliminar