" Mister do Café: Agosto 2017

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

O fecho do mercado


Chegamos finalmente ao último dia do mercado de transferências. Este será provavelmente o fecho de mercado mais tranquilo dos últimos anos. 

Tranquilidade total


Em termos de saídas não se perspectivam grandes alterações, com excepção da colocação de atletas "excedentários". Do actual plantel, os jornais continuam a insistir nas saídas de Adrien e William. A minha expectativa pessoal é que não sai nenhum destes atletas. Assim sendo, parece-me que temos um médio a mais no plantel. Provavelmente o corte será feito entre Palhinha e Petrovic. Um deles deverá sair por empréstimo. Na eventualidade da saída de Adrien e William o Sporting soube-se precaver na altura devida e por antecipação, contratando Battaglia e Bruno Fernandes. 

Nas entradas, parece-me que o plantel está fechado. Em termos pessoais, julgo que ficou apenas a faltar um ponta de lança para se juntar a Bas Dost e Doumbia. Uma eventual lesão de um deles deixa-nos sem solução de banco. 


Pela primeira vez o Sporting passou a liderar o processo negocial


O empresário Paulo Barbosa esteve ontem na SIC e falou um pouco sobre o processo negocial implementado pelo Sporting durante o mandato de Bruno de Carvalho.


Esta é também a minha análise, e dai a minha completa tranquilidade relativamente a este último dia de mercado. Importa referir que Paulo Barbosa não tem feito negócios com o Sporting nos últimos tempos. De memória, julgo até que não fez nenhum negócio com a actual direcção, razão pela qual é insuspeito para dizer o que disse.

Nos próximos dias farei uma análise mais profunda ao plantel e aos negócios fechados pela SAD. 

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

A diferença entre a Premier League e a Liga Mickey Mouse


No passado sábado o Newcastle recebeu o West Ham United em jogo a contar para a 3ª jornada da Premier League. Por volta do minuto 80, Mitrovic, avançado do Newcastle United deu uma cotovelada em Manuel Lanzini. Aqui fica o vídeo:

A agressão de Mitrovic



Como podem verificar no vídeo, a agressão é clara e não deixa margem para dúvidas. No terreno de jogo o árbitro não se apercebeu do lance, pelo que não assinalou nada.

Justiça a funcionar


Havendo imagens claras do lance, a Federação Inglesa abriu de imediato um processo, tendo dado oportunidade ao jogador para responder à acusação até as 18 horas de quarta-feira. 

Em Inglaterra, os lances deste género são julgados por um painel de três ex-árbitros de elite que, individualmente, vêem as imagens e dão o seu veredicto. Para haver castigo, que pode ir até aos três jogos de suspensão, tem de haver unanimidade na decisão, sendo que nenhum dos juízes sabe o que o outro decidiu.

Pouco mais de uma hora após o prazo limite para o atleta apresentar a sua defesa, a Federação Inglesa publicou o castigo: Mitrovic apanhou uma suspensão de 3 jogos.


Ou seja, o lance ocorreu no Sábado e na quarta-feira o jogador foi punido.

Em Inglaterra demoraram apenas 3 dias úteis para decidir o assunto. Sem acórdãos de 20 páginas a tentar justificar o injustificável, sem atropelos à justiça e com celeridade. 

E depois ainda há quem se pergunte porque é que a Premier League é a melhor Liga do Mundo. A resposta é simples. As pessoas acreditam no que estão a ver. Em Portugal acontece precisamente o oposto. E depois a culpa é daqueles que lutam por alterar este estado de coisas. 


Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

Conselho de Disciplina legitima violência e incompetencia


O futebolzinho português continua a ser pródigo em decisões completamente inacreditáveis. Vejamos o incrível "caso Eliseu" ao pormenor.

"Caso Eliseu" - Arquivado


Vamos recordar as imagens para que não restem dúvidas:


O Conselho de Disciplina anunciou ontem o arquivamento do auto de flagrante delito elaborado pela Comissão de Instrutores da Liga, após queixa do Sporting, pelo lance entre Eliseu e Diogo Viana no último Benfica-Belenenses.

No defeso foi alterado o regulamento, permitindo agora aos clubes e ao próprio Conselho de Disciplina o pedido de abertura de um auto de flagrante delito por parte da Comissão de instrutores da liga. Com a decisão tomada ontem, o conselho de disciplina sentenciou à morte os autos de flagrante delito. 

Nos fundamentos da decisão, José Manuel Meirim e amigos entendem que não se podem sobrepor à avaliação do árbitro e do vídeo-árbitro, que julgaram o lance ocorrido ao minuto 60 do jogo Benfica-Belenenses, da terceira jornada da Liga NOS, e não descortinaram agressão nem prática de jogo violento de Eliseu.

As questões colocadas 



Foram estas as três questões que o CD decidiu colocar a Rui Costa, árbitro da partida e a Vasco Santos, vídeo-árbitro. As duas primeiras questão estão relacionadas com o que viram durante o jogo. Respostas que obviamente já toda a gente saberia qual seriam as respostas. Se tivessem opinião diferente teriam obrigatoriamente de ter agido no momento próprio. A terceira pergunta já roça o surrealismo. Por que raio é que é que é importante questionar os árbitros sobre a forma como o jogo foi reatado? 

Perante isto, serve de alguma coisa perguntar o que viram ou como é que o jogo foi reatado? A pergunta fundamental ficou por responder: Passados alguns dias, a frio e revendo as imagens o que pensam do lance? Havia ou não motivo para ser dada ordem de expulsão a Eliseu? 

Incompetente?


Aqui ficam as respostas de Rui Costa às questões levantadas pelo CD da FPF.


Rui Costa considerou o lance como sendo um "choque normal sem qualquer acção faltosa". Ora, perante isto, o que se pode concluir sobre a valia deste árbitro? Que nota é que Rui Costa teve neste jogo? É possível ter tido uma nota positiva? 

Mas há coisas ainda mais engraçadas.

Cego ou algo mais?



Até admito que Rui Costa possa não ter visto bem o lance no terreno de jogo. Agora, Vasco Santos teve à sua disposição todas as repetições do lance e mesmo assim considerou "não ter existido qualquer agressão ou prática de jogo violento".

Meus amigos, isto é o quê? É que eu só consigo concluir uma de duas coisas. Ou Vasco Santos tem claros problemas de visão ou então fez um enorme favor ao Benfica. Curiosamente, Vasco Santos é um dos padres apontados nos emails que têm denunciado o polvo encarnado. "Vamos ter os padres que escolhemos e ordenamos nas missas que rezamos, temos é de rezar e cantar bem", e de facto, Vasco Santos demonstrou claramente que tem a missa bem estudada.

As queixas do Sporting em relação às agressões de Vila do Conde


No jogo Rio Ave-Benfica, Pizzi agrediu Francisco Geraldes nas barbas do árbitro Hugo Miguel. Mais uma vez, nem o árbitro da partida nem o vídeo-árbitro vislumbraram o lance. 


No mesmo jogo, Eliseu voltou a espalhar magia, com especial destaque para um lance absolutamente vergonhoso na linha de fundo onde dá um pontapé no jogador do Rio Ave quando este se encontra caído contra os painéis de publicitários. 


Perante estes dois casos, aposto que as justificações lançadas pelo Conselho de Disciplina serão no mínimo, hilariantes.

Justiça? Onde?


Eliseu teve uma entrada brutal sobre Diogo Viana colocando em causa a integridade física de um colega de profissão. Com excepção de Pedro Guerra, do árbitro, do vídeo-árbitro e do conselho de disciplina, todo o país concorda com a barbaridade do acto. Os experts de arbitragem com espaço na imprensa são unânimes e até o próprio Conselho de arbitragem reconheceu o erro de avaliação. 


Há um assalto numa zona comercial. O polícia que patrulha a zona não se apercebe do roubo. O responsável pelo sistema de vídeo vigilância estava a ver a telenovela em vez de analisar as imagens claras sobre o ocorrido. Entretanto há uma queixa de roubo e são apresentadas provas definitivas e irrefutáveis do crime. O juíz não quer saber das provas para nada. Questiona apenas o polícia e o responsável pela vídeo-vigilância que dizem não ter visto nada. Ora, se não viram nada não há crime. 

Estamos, portanto, perante um "crime" que é legitimado pelos órgãos de justiça com base nas declarações de dois incompetentes (para dizer o mínimo). Mas isto cabe na cabeça de alguém? Pelos vistos cabe...



Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

terça-feira, 29 de agosto de 2017

Rir para não chorar - A agressão de Pizzi e Geraldes vista pela CMTV


Mais um momento mágico proporcionado pelo programa "Pé em Riste" da CMTV durante a noite de ontem. Deliciem-se com o momento em que é analisada a agressão de Pizzi a Francisco Geraldes.

Rir para não chorar



Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

A "trupe" da vergastada


Nos últimos dias temos assistido a um fartote no que à "vergastada" dada por atletas que equipam de vermelho diz respeito. Vamos por partes:

A vergastada de Bruno Coelho


Na passada quarta-feira a equipa de Futsal do Benfica apresentou-se aos seus sócios e Bruno Coelho, novo capitão de equipa mostrou que está a seguir as pisadas de Gonçalo Alves.


O Conselho de disciplina da FPF continua a assobiar para o lado. Vamos lá ver se é amanhã que sai o castigo a Bruno Coelho. Se calhar estão à espera que a Supertaça com o Sporting passe para depois castigarem o atleta...

EliDeus


De facto, Eliseu pode fazer tudo o que lhe apetece sem ser sequer repreendido. Só vou colocar os lances da última partida com o Rio Ave para não maçar muito os leitores. Se quiserem ver os "carinhos" de épocas passadas cliquem (aqui).


O Comandante da vergastada a jogadores do Sporting


No jogo com o Rio Ave, Pizzi fez isto:


De facto, Pizzi gosta de dar vergastada em jogadores com ligação contratual com o Sporting. Já foi assim no ano passado com Podence.


Máquina de propaganda ainda está a estudar...


Link da notícia (aqui)
De facto, Luís Bernardo bem tenta lançar alguma poeira mas não consegue. Não tardará muito para João Gabriel vir a terreiro fazer a defesa do Benfica, uma vez que o senhor que "limpa" 240 mil euros por ano ao Benfica (aqui), não consegue fazer melhor do que encontrar um lance em que a imprensa é unânime em afirmar que deveria ter sido cartão amarelo. Vejamos:

Sobre o lance de Brahimi, Jorge Faustino e Marco Ferreira consideram que o jogador deveria ter sido punido com um cartão amarelo. O jornal Ojogo não analisou o lance. Mas vamos ao lance do Sporting para não ficarem dúvidas.


Jorge Faustino e Marco Ferreira foram claros a avaliar o lance de Battaglia. Seria amarelo e nunca cartão vermelho. Vejamos o que dizem os especialistas de Ojogo.


Perante isto, o Benfica estuda fazer uma queixa contra o jogador do Sporting. Ora digam lá que isto não é uma maravilha!? 

Com tanto estudo, se calhar o melhor é pedirem um parecer ao Dr. Ricardo Costa. Ou quem sabe se o Frankc Vargas, Adão Mendes, Eva Mendes, Nuno Cabral ou Ferreira Nunes não conseguem dar um jeito. Em última instância podem sempre pedir um "parecer" ao General Nhaga...


Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

Meu querido mês de Agosto


Completado o primeiro ciclo competitivo, os leões mostraram qualidade e muita vontade em fazerem uma boa época. Em 21 dias os leões disputaram 6 jogos e venceram 5 conseguindo a qualificação para a fase de grupos da Champions e a liderança da Liga contando por vitórias todos os jogos disputados.


Os milhões da Champions


Com a qualificação para a fase de grupos da Champions o Sporting arrecadou 14,7 Milhões de Euros (dois milhões pela participação no play-off e 12,7 milhões pela participação na fase de grupos). Depois do primeiro jogo em Alvalade (empate a zero), alguns Sportinguistas deixaram-se levar pela máquina de propaganda e começaram a atacar a equipa. A ingenuidade desses Sportinguistas não os deixou perceber que os rivais tinham claro interesse em que o Sporting não se qualificasse para a Champions League, até porque para além da quebra orçamental do Sporting estava um incremento de receitas para os rivais, por via do Marketpool da Champions.

Importa referir que por via da participação no play-off o Sporting já leva mais dois milhões de euros em receitas provenientes da UEFA em relação aos rivais.

Quatro jogos, quatro vitórias


Na Liga Portuguesa os leões tem feito boas exibições e conseguido todos os pontos em disputa. O Sporting tem o melhor ataque da competição a par do Benfica e a 2º melhor defesa, com um golo sofrido. 

Bons investimentos


Com a recuperação financeira operada por Bruno de Carvalho, o Sporting consegue ter agora uma maior disponibilidade financeira para contratar jogadores de inegável categoria. Olhamos para a frente de ataque e vemos que os milhões gastos em Bruno Fernandes (8,5M), Bas Dost (10M) e Marcos Acuña (9,6M) foram investimentos seguros. 

Os homens em destaque


Melhores Marcadores
4 - Bas Dost e Gelson Martins
3 - Bruno Fernandes
1 - Doumbia, Acuña, Adrien Silva, Battaglia

Assistências
4 - Acuña
2 - Bruno Fernandes
1 - Cristiano Piccini, Gelson Martins,Fábio Coentrão, Adrien, Iuri Medeiros

Participações em golos:
5 - Gelson Martins, Bruno Fernandes, Marcos Acuña
4 - Bas Dost
2 - Adrien Silva
1 - Cristiano Piccini, Fábio Coentrão, Iuri Medeiros, Doumbia

Gelson Martins, Bruno Fernandes e Marcos Acuña têm tido um início de época fantástico. Já tiveram participação directa em 5 golos. 

Setembro



Os jogadores partem agora para as suas selecções nacionais e o próximo jogo da equipa será no fim-de-semana de dia 10. Ainda não há data oficial para esta partida, mas como o Sporting terá de se deslocar de seguida à Grécia, é provável que o jogo seja marcado para sexta-feira(8). 

O ciclo de 6 jogos em pouco mais de 20 dias volta a repetir-se com a dificuldade extra de termos 3 jogos com elevado grau de exigência (Olympiacos (f), Barcelona (c) e Porto (c). O campeonato tem de ser o centro das nossas atenções e é de extrema importância vencermos os 3 jogos que antecedem o clássico. 

Mais uma vez, peço aos Sportinguistas para estarem com a equipa e para compreenderem as dificuldades de calendário, que não permitirão grandes "notas artísticas". O importante nesta fase é irmos somando os 3 pontos a cada partida. Ainda ontem se percebeu que o Sporting estava cansado da partida realizada na quarta-feira. E ai os adeptos estiveram muito bem não pressionado a equipa e apoiando até ao último minuto. O Sporting entrou muito forte na primeira parte para resolver rapidamente a partida e poder baixar o ritmo na segunda parte. O objectivo só não foi melhor conseguido por causa de um pontapé fantástico do Lucas Evangelista que colocou o resultado em causa até ao final. 

Agora é aproveitar a pausa das selecções para melhorar os índices físicos e tácticos dos jogadores que ficam, preparando-os para este segundo ciclo. Temos de ir pensando jogo-a-jogo e centramos todas as nossas atenções no jogo complicado que teremos em Santa Maria da Feira.

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

domingo, 27 de agosto de 2017

Eliseu - "Let's Get It On"


Eliseu continua a espalhar magia semana após semana com a conivência dos "padres escolhidos e ordenámos, nas missas que celebramos". Recapitulemos a missa de ontem.

Let´s get it on



É inacreditável percebermos como é que Eliseu acabou a partida de ontem sem ver um único cartão amarelo. No primeiro momento do vídeo há um "body slam" a Francisco Geraldes. Não sou adepto desse tipo de desporto, mas julgo ser este o temo técnico. Depois, Eliseu dá uma cotovelada num adversário. Mas o momento que mais me chocou foi o pontapé dado ao jogador do Rio Ave quando este se encontrava caído contra o placar de publicidade. 

O Meirim trata do assunto


De facto, o futebol português está mesmo no lodo. Na última jornada, Eliseu agrediu Diogo Viana num lance que não deixa dúvidas a ninguém. A comissão de instrução da Liga elaborou um auto de flagrante delito mas o Conselho de Disciplina não conseguiu decidir o caso de forma célere. Relembro apenas que a agressão de Eliseu aconteceu no sábado e o caso "Jorge Sousa" foi no Domingo. Um processo foi deliberado de imediato, o outro ficou na gaveta. Por que será?

Curiosamente, se o processo de Eliseu não estivesse na gaveta, o jogador não poderia ter jogado em Vila do Conde deixando o Benfica sem defesa esquerdo de origem, uma vez que Grimaldo está lesionado. Por coincidência, o castigo deverá ser atribuído durante a próxima semana, quando estamos perante uma paragem para as selecções nacionais, o que permitirá mais tempo de recuperação para Grimaldo. De salientar também que o próximo jogo do Benfica é em casa com o Portimonense. Coincidências...

PS: Ó Meirim, o Bruno Coelho já foi castigado?

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Bruno Coelho - O homem da vesgastada


As atitudes indignas de Bruno Coelho são já um clássico na temporada de Futsal. Desta feita, o benfiquista começou cedo a mostrar as suas "qualidades" e no jogo de apresentação aos sócios encarnados na passada quarta-feira deu espectáculo.

A primeira vergastada da época



Como podem ver no vídeo, Bruno Coelho vai directo ao jogador do Burinhosa para o agredir com uma cotovelada na zona da nuca, colocando em causa a integridade física do adversário. Uma agressão bárbara e que deve ser condenada por todos. 

O novo capitão


Para quem não sabe, Bruno Coelho foi o atleta escolhido pelo Benfica para ser o capitão de equipa para esta época. Se calhar não podemos pedir muito mais do que isto ao capitão do Benfica, uma vez que o anterior líder era um senhor chamado Gonçalo Alves. Vou apenas recordar a final do play-off de 2012.


As imagens censuradas pela Benfica TV


Mais uma vez, a Benfica TV mostrou o lápis vermelho ao não apresentar as repetições da agressão de Bruno Coelho ao atleta da Burinhosa. E aqui fica o vídeo para comprovar esta afirmação.


Impunidade total


Relembro só que Bruno Coelho esteve envolvido no caso que motivou um castigo a Miguel Albuquerque de um ano e no célebre caso da Supertaça conquistada de forma ilegal pelo Benfica com a completa conivência da secção não-profissional do Conselho de Disciplina da FPF, como demonstraram os emails do apito abençoado que já revelei. Toda a informação sobre esse caso pode ser encontrada (aqui).

Perante tudo isto, a pergunta que se impõe é simples: Quanto tempo vai demorar o CD da FPF a decidir o castigo ao jogador e que pena será dada a alguém que é reincidente neste tipo de atitude? Não esquecer que o primeiro jogo da época será um Sporting vs Benfica para a Supertaça. Vamos aguardar para ver o que fará Meirim e os seus acólitos...

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Dr. Guerra explica: O "caso Eliseu"


Se há alguém que sabe tudo sobre tudo, esse alguém é o Dr. Pedro Guerra. Parece-me importante que uma sumidade intelectual como esta tenha cada vez mais espaço mediático, para que todos possam beber um pouco dos seus vastos conhecimentos. Neste sentido apresentou um novo segmento no café. Em "Dr. Guerra explica" serão desvendados os maiores segredos do futebol português e não só. Neste primeiro episódio Dr. Guerra explica o "caso Eliseu". 

Dr. Guerra explica: O Caso Eliseu



Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

Chapa(da) 5


No passado dia 15 de Agosto o Sporting recebeu o Steaua para a primeira mão do play-off de acesso à fase de grupos Liga dos Campeões. O empate a zero nessa partida foi o rastilho para o início do clima de pré-crise que os rivais e a imprensa alimentaram a toda a força durante dias. 

Quase na "pré-crise"


No final do jogo frente ao Vitória de Setúbal, alguns Sportinguistas vieram a terreiro criticar a equipa, treinador e dirigentes. Alguns desses adeptos até tiveram a coragem de afirmar que o Sporting venceu o jogo graças à equipa de arbitragem: Isto quando todos os árbitros com presença na comunicação social afirmaram cabalmente que a grande penalidade foi bem assinalada e que ainda ficou por assinalar um pontapé de penálti por falta sobre Coates (aqui). Os leões não fizeram uma grande exibição mas criaram oportunidades mais do que suficientes para golear os sadinos. Perante isto, alguns Sportinguistas iniciaram um ambiente de quase "pré-crise".


"Pré crise" após o jogo com o Steaua


Chegamos ao jogo com Steaua e o Sporting fez uma má exibição tendo empatado a partida a zero. Após a partida, o clima de pré-crise ficou implementado em grande parte dos Sportinguistas e durante os dias seguintes ouvi e li pérolas como estas:
- "Piccini não presta. O Schelotto é que era bom."
- "Bryan não está na equipa porquê?"
- "Coentrão está sempre lesionado. Deviamos ter ficado com o Jefferson"
- "Mathieu é muito lento"
- "Beto é que era bom e devia ter ficado."
- "William não joga porque o Sporting quer vendê-lo"
- "Adrien está contrariado"
- "Bruno Fernandes não serve para jogar atrás do Bas Dost
- "Acuna é o Bruno César 2.0"
- "Jorge Jesus não percebe nada disto"
- "O Chico Geraldes é que é bom"
- "O Iuri não joga porquê?"
- "Bruno de Carvalho para a rua"
- "Agora já cantamos músicas do Tony Carreira!? Vergonha!"
- "O Podence fica na bancada?"
- "Jorge Jesus nunca faz nada de jeito na Europa, nem aposta nas competições da UEFA"
- "Futebol previsível"
- "Só contratamos entulho"
- "Bas Dost tem tijolos nos pés"
- "Doumbia é um Djaló com mais força"
- "Doumbia a titular e Bas Dost no banco? Jorge Jesus está louco!"
- "Venha o Paulo Fonseca, Luís Castro ou o Vítor Pereira..."

Estou apenas a citar algumas. 

Havia motivos para pré-crise?


Claro que não! O Sporting tinha vencido os dois primeiros jogos no campeonato e estava completamente dentro da eliminatória com o Steaua. Na primeira época de Jorge Jesus entramos na 2ª jornada com apenas 4 pontos e fomos eliminados da Champions League pelo CSKA. Isso não nos impediu de fazer um excelente campeonato. Assim como na época passada o início brilhante de campeonato com 4 vitórias seguidas não se traduziu num bom campeonato. A verdade é que após o jogo com o Steaua o Sporting liderava o campeonato e tinha tudo em aberto na Champions. 

Mas a crise estava ao virar da esquina. Uma deslocação ao sempre complicado D.Afonso Henriques e a segunda mão do play-off da Champions dava aos "velhos do restelo" oportunidade perfeita para lançarem um clima de crise. 

Chapa 5


- Em Guimarães vimos mais uma vez um Sporting muito forte em termos defensivos com Mathieu a demonstrar toda a sua velocidade e qualidade. No final da época passada o jornal Marca fez um estudo sobre os jogadores mais rápidos do Barcelona e o francês só foi superado pelo Neymar. Em Portugal, dizem os especialistas que o Mathieu é um jogador muito lento. E há Sportinguistas que vão nisto. 

- Vejo Piccini a mostrar qualidade e a melhorar de jogo para jogo dando solidez defensiva e a acompanhar Gelson no ataque. É tremendamente injusta a forma como tem sido tratado pelos Sportinguistas levados na onda da pasquinada. Ainda antes de se ter estreado na equipa principal já era o patinho feio. 

- Olhamos para Fábio Coentrão e vemos um jogador a mostrar qualidade e um comprometimento fantástico com a equipa. Já enfrentou um dos jogadores mais velozes da Liga (Salvador Agra) e um dos extremos mais falados para revelação do ano (Raphinha) e não o vi a ser ultrapassado por nenhum. O que eu tenho visto é uma enorme vontade de ajudar a equipa. As subidas pelo flanco que o tornaram conhecido já estão a dar frutos, com uma assistência para o 2º golo de Bas Dost em Guimarães e com a jogada fantástica de ontem que deu o 5º golo já no final da partida. Se fazer 100 metros aos 86 minutos e oferecer um golo a um companheiro é estar mal fisicamente...

- Os "entendidos" diziam que Bruno Fernandes não poderia jogar no apoio a Bas Dost. Os resultados dos últimos dois jogos são claros. 

- Battaglia fez uma excelente partida em Guimarães e ontem fez o gosto ao pé, mostrando que também tem chegada à área, numa fase em que Petrovic já tinha assumido a posição 6 após a saída de Adrien Silva.

- Acuna, o "Bruno César versão 2.0" como tem vindo a ser apelidado tem feito um trabalho extraordinário em termos defensivo e no ataque os números falam por si: 3 Assistências e 1 golo em 5 partidas. 

- Francisco Geraldes na equipa para quê? Para ficar uma época inteira sem jogar ou jogar muito pouco? Quem é que tiravam da equipa para entrar o Chico?

- É curioso ver alguns jogadores da formação endeusados pelos Sportinguistas enquanto não fazem parte da equipa principal. Assim que lá chegam deixam de contar. Vejam por exemplo o caso de Iuri Medeiros que na sua estreia oficial no campeonato pelo Sporting fez uma assistência para o golo de Adrien em Guimarães.

- Adrien Silva ainda não está na sua melhor forma física, mas tem dado tudo em campo. Veja-se a exibição contra o Setúbal onde deu tudo o que tinha, tendo saido de campo com os "bofes de fora". Irá recuperar a forma e liderar a equipa durante a época.

- A decisão de Jorge Jesus em colocar Doumbia em campo na partida de ontem, mostrou-se ser positiva tendo o costa-marfinense marcado o primeiro golo da partida.

- Custa-me ver Sportinguistas afirmarem que William não está lesionado e que o Sporting está a poupar o jogador para o vender. Afirmar uma barbaridade destas é colocar em causa todo o trabalho da equipa médica do Sporting, o seu profissionalismo e o cumprimento de uma norma deontológica. Relembro apenas que na época passada João Mário e Slimani jogaram antes de sair do Sporting. Se bem se recordam Slimani até saiu do jogo em lágrimas por saber que iria ser transferido. 

O futuro


Depois das duas goleadas tem sido muito interessante ver os "experts" a defenderem a tese de que o Vitória de Guimarães e o Steaua não jogam nada. Os tais adversários designados antes da partida por "muito complicados" e que poderiam deixar o Sporting em crise e até colocar em causa o lugar do Presidente e do treinador em causa, no dia seguinte às partidas tornaram-se fracos. E o que me custa mais é ver Sportinguistas "comerem" isto.

Os Sportinguistas não se podem deixar ir na onda da propaganda lançada pelos rivais. Para quem não sabe, a qualificação do Sporting para a Champions retirou a Benfica e Porto muitos milhares de euros através do Marketpool da Liga milionária.

Curiosamente, após o jogo com o Steaua saíram os castigos do túnel de Alvalade, dos vouchers e do jogo da mala, criando um reboliço em torno do nome do Sporting. Os paineleiros e jornaleiros saíram todos da toca a lançarem ferozes ataques ao Sporting e ao seu presidente e treinador. Artistas como Vítor Serpa ou Rui Santos, só para citar aqueles cuja actuação analisei (aqui).

O repto que lanço aos Sportinguistas é para estarem sempre com a equipa e não entrarem na onda da propaganda dos rivais. O Sporting não tem o melhor plantel do mundo nem o pior. Tem o que a sua capacidade financeira lhe permite ter. Um plantel equilibrado que tem condições para lutar por títulos e para dar bons espectáculos. Um exemplo claro: A compra de Bruno Fernandes é hoje elogiada por toda a gente, mas se calhar custa a perceber a alguns que para darmos mais de 8M pelo Bruno foi preciso vender o Semedo por 14M, uma vez que a Champions não estava assegurada na altura.

Estas duas vitórias fizeram descer o nível de alerta leonino de "pré-crise" para "preparação de pré-crise". Ao primeiro deslize a imprensa/rivais farão um escabeche e será iniciada a fase da pré-crise. É isto que temos ferozmente de combater.

Peço aos Sportinguistas que apoiem esta equipa durante toda a época e no fim faremos contas. No final da época teremos possibilidade de pedir cabeças ou de aplaudir. A critica construtiva é bem vinda em qualquer momento da época. Agora, o que assisti ao longo dos últimos dias onde se colocou tudo em causa sem o mínimo de discernimento e de lógica não é positivo para o clube e muito menos justo. O próprio Presidente já colocou a cabeça no cepo em relação a títulos neste mandato. Perante isto, custa muito apoiarmos os nosso presidente, a nossa equipa técnica e os nossos jogadores? É mais fácil sermos campeões se estivermos ao lado da nossa equipa ou se estivermos constantemente a colocar o trabalho das pessoas em causa?

Nada foi conquistado e a época ainda agora começou. Temos de ir pensando jogo-a-jogo. Encher Alvalade contra o Estoril e conquistar mais 3 pontos. Siga!

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

A actuação do Conselho de Disciplina no "caso Jorge Sousa"


É oficial. O árbitro Jorge Sousa foi punido com 3 jogos de suspensão após o caso que protagonizou com Stoijkovic, guardião do Sporting B no jogo do passado Domingo. Mas há muito mais a referir em relação a este processo do que nos é dado a conhecer. 

A rapidez do processo


Neste defeso o regulamento disciplinar foi alterado por forma a proporcionar ao Conselho de Disciplina da FPF a possibilidade de pedir à Comissão de Inquéritos da Liga a abertura de um processo sumário. Anteriormente, a Comissão de Inquéritos da Liga já podia abrir um processo sumário, mas nunca o fez, o que demonstra a plena inutilidade das pessoas que compõem esse órgão da Liga. 

Neste caso, e com o novo regulamento, o CD da FPF solicitou à Comissão de Inquéritos (CI) da Liga a abertura de um processo sumário ao árbitro Jorge Sousa. A CI da Liga preparou o auto de flagrante delito e entregou-o ontem ao CD da FPF para deliberação e eis que surgiu o castigo.

Não deveria ser preciso dar o mérito a um órgão como o CD da FPF, mas face à inoperância e incompetência latente no último ano, tenho de o fazer. Neste caso, o CD esteve bem ao pedir de imediato ao CI da Liga a elaboração de um auto de flagrante delito. 

O mapa com o castigo



Como podem verificar, Jorge Sousa foi castigado com 3 jogos de suspensão numa deliberação tomada com base no artigo 198º do regulamento disciplinar. O número do artigo é uma questão de extrema importância como vamos ver de seguida.

Em que artigo se enquadra a atitude de Jorge Sousa?


Existem dois artigos no regulamento onde são enquadradas as atitudes dos árbitros. O artigo 192º e o artigo 198º. Vejamos já o artigo em que o CD enquadrou a atitude do árbitro:


O castigo aplicado a Jorge Sousa foi deliberado de acordo com o artigo anterior (198º) que se aplica a quem se "dirige de forma menos correcta e educada". De facto, Jorge Sousa dirigiu-se a Stoijkovic de forma menos correcta e educada, mas considerar apenas isto é muito curto para a atitude do árbitro.


O artigo varrido para debaixo do tapete



Como podem verificar, o artigo 192º encaixa como uma luva no comportamento de Jorge Sousa. É indiscutível que o árbitro usou expressões de carácter ameaçador, injurioso e grosseiro. Recordo algumas passagens do brilhante discurso do árbitro:

"Mas estás a falar para mim porquê caralho? Estás a falar para quem caralho? Pá baliza! Poe-te na puta da baliza pá!"

Eu pergunto: Isto não é ameaçador, injurioso e grosseiro? Obviamente que é! E é tão claro que não deixa dúvidas a ninguém.

Então porque é que o CI da Liga e o CD não enquadraram o caso neste artigo?


Esta é a grande questão que o CI da Liga e o CD devem responder de imediato. A resposta talvez possa estar no número 2 do artigo 192º, mas já lá vou. 

Desde logo, a "moldura penal" deste artigo (192º) é muito maior. Vai de 3 a 15 jogos de suspensão, enquanto no artigo pelo qual foi castigado vai apenas de 1 a 5 jogos de suspensão. Mas ainda há outra questão de extrema importância. No ponto 2 do artigo 192º, é referido expressamente que em caso de reincidência o árbitro ficaria suspenso no mínimo por 6 épocas desportivas e um máximo de 10 épocas desportivas.

A aplicação errada do artigo 198º em detrimento do 192º que seria o mais justo e o que melhor se enquadrava é significativa não só pelo menor tempo de castigo, assim como pelo facto de ser retirado ao árbitro o peso de uma eventual reincidência. 

Regulamento atropelado


Ora, ao enquadrarem a atitude de Jorge Sousa apenas no artigo 198º, o CI e o CD estão a atropelar o artigo 192º para benefício do próprio árbitro, que pode assim voltar a dar o triste espectáculo já no próximo jogo que apite, sem que tenha qualquer problema com a reincidência. Este fechar de olhos não pode ser deixado passar impunemente e devem ser assacadas responsabilidades ao Conselho de Disciplina da FPF e em particular ao seu Presidente, José Manuel Meirim. 

Os regulamentos são claros e não deixam margem para dúvidas. E se o Conselho de Disciplina fez o que tinha de fazer numa primeira fase, deixou muito a desejar na forma como aplicou o regulamento disciplinar. E não está aqui em causa o que eu acho que deve ser o castigo, mas sim o que está estipulado no regulamento disciplinar. A lei é para cumprir, custe o que custar. 

O comportamento do Sporting e dos "cartilheiros"


O comportamento dos responsáveis do Sporting neste caso foi exemplar. De imediato, o acto foi condenado e o atleta do clube foi defendido através de um comunicado oficial. Saliento que o Sporting não pediu sequer qualquer sanção para o árbitro, aguardando para ver a actuação das entidades responsáveis. Por outro lado, não deixou de ser muito curioso acompanhar as justificações lançadas pelos cartilheiros encarnados, com especial destaque para a Rui Gomes da Silva e Paulo Garcia que lançaram a fantástica teoria dos "40º graus ao sol" que poderia justificar a atitude do árbitro. Por que será?

Edit: Inicialmente referi neste post que Jorge Sousa poderia ser castigado por dois delitos: Comportamento incorrecto (art 198º) e Ameaças injúrias e ofensas à reputação (art. 192º). Depois de ter colocado o post online, dois juristas enviaram-me mensagens em que referem que não pode existir esta multiplicidade de castigos. Fica a análise dos especialistas:

"O mesmo facto só poderá ser enquadrado numa norma punitiva ou na outra (não nas duas cumulativamente) porque os bens e valores jurídicos protegidos pelas normas punitivas são basicamente os mesmos. E há ainda o princípio do "ne bis in idem" (proibição de julgamento e de dupla punição pelos mesmos factos, fundamentos e objeto)."

De qualquer forma, isso não invalida que o artigo em que foi enquadrado o delito tenha sido errado em benefício do árbitro. Fica feito o esclarecimento. 

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Rolo compressor da propaganda


No passado sábado o jornal Record e o jornal Abola traziam nas suas edições duas crónicas inenarráveis de duas das figuras mais conhecidas do jornalismo nacional. Falo do Vitor Serpa, director do jornal Abola e de Rui Santos escriba a soldo, comentadeiro a tempo inteiro e paineleiro aos domingos.

Uma geração rasca



Basta olharmos para o título, sub-título e imagem escolhida para percebermos que estamos perante um ataque brutal do director deste pasquim ao Presidente do Sporting CP. Algo que durante o programa "Prolongamento" de ontem foi devidamente desmontado por José de Pina. 


Provavelmente o senhor Vítor Santos ainda estará assado da derrota eleitoral de Março passado. Apesar de tudo, não foi por falta de esforço que o seu candidato foi goleado...


O Sr. Dr Juiz Rui Santos



No mesmo dia, Rui Santos usou a mesma linha propagandista de Vítor Serpa. O título, sub-título e a foto são um ataque declarado a Bruno de Carvalho e Nuno Saraiva. Mas, o "caracolinhos" vai mais longe. Na legenda da imagem afirma: "O Sporting recorre - porque recorrer faz parte - mas Bruno de Carvalho sabe que neste caso não se pode agarrar a nada.". Perante isto, não seria melhor se Rui Santos fosse ele próprio o juiz de Bruno de Carvalho? Assim poupava-se dinheiro em processos e o presidente do Sporting estaria sempre castigado. 

Relembro que o processo ainda vai entrar em fase de recurso. Aguardemos com serenidade, até porque não seria a primeira, nem segunda, nem terceira, nem quarta ocasião em que um representante do Sporting sairia ilibado depois de cumprir castigo. Assim de cabeça recordo-me de dois casos envolvendo Bruno de Carvalho, um caso com Nuno Saraiva e um caso com Frederico Varandas.

O discurso de propaganda e parcialidade teve ainda uma característica adicional: O insulto. Basta vermos a forma como este senhor apelidou Bruno de Carvalho e Nuno Saraiva de "Fabulistas". 

Tudo isto no dia em que o Sporting jogava uma importante partida em Guimarães e nas vésperas do decisivo jogo da Champions League. Ora digam lá que para clima de pré-crise a coisa não foi bem feita!?. Felizmente, a equipa e os adeptos responderam com uma enorme demonstração de união. Agora temos de nos qualificar para a Champions para de uma vez por todas colocarmos para trás das costas o clima de pré-crise em que nos querem meter. 

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Fernando Veiga Gomes - Mais um especialista em direito desportivo


Nos últimos anos a quantidade de advogados especialistas em direito do desporto, que invadem o espaço de comentário público tem sido muito elevada. Curiosamente, praticamente todos têm ligações directas ao Benfica. 

O exemplo de José Miguel Meirim


O Sr. Meirim foi durante muitos anos o expert ao qual os jornais recorreram para questões jurídicas relacionadas com o desporto. Não foi por isso surpresa para ninguém a sua chegada ao cargo de Presidente do Conselho de Disciplina da FPF em meados de 2016. Para quem não sabe, "José Manuel Meirim faz questão de frisar previamente que é "adepto do Benfica, mas que entende que o Direito não é nem vermelho, nem azul-e-branco, nem verde" e vinca a sua posição de jurista.". Foi precisamente isso que disse a 14 de Maio de 2008 quando foi chamado pelo Mais Futebol para comentar o Apito Final. Uma notícia que pode ser lida (aqui).

Neste momento a concorrência entre os especialistas em direito do desporto é muita, mas os que têm cobertura mediática são praticamente todos do Benfica. E digo praticamente todos, mas ainda não apanhei um expert de outro clube. Mais para a frente falarei sobre alguns destes artistas. Vamos ao caso de Fernando Veiga Gomes.

Fernando Veiga Gomes


Na passada quinta-feira no programa "Verde no Branco" na Sporting TV, a comentadora Elsa Tiago Judas denunciou as declarações de Fernando Veiga Gomes feitas durante essa tarde num programa da SportTV+. Este senhor foi convidado na qualidade de especialista em direito desportivo para falar sobre o castigo a Bruno de Carvalho e Carlos Pinho. Vejamos:


Desde logo importa salientar a forma vergonhosa como este sujeito tentou condicionar a decisão futura do TAD e especialmente a opinião publica, afirmando que "o tribunal arbitral do desporto tem interpretado as normas no sentido de serem justas ou injustas". Um jurista a fazer um juízo sobre decisões de um tribunal é sempre algo interessante. Obviamente, esta declaração tinha água no bico (literalmente), basta vermos a conclusão do artista. 

Para não restarem dúvidas, diz este sujeito que "não devia haver recurso. Os presidentes deviam pedir desculpa pelo comportamento que tiveram e nem recorrer e acatar a decisão de um regulamento disciplinar que eles próprios aprovaram".

Eu não sei se as pessoas têm noção da gravidade destas declarações. Estamos perante o mesmo senhor que segundos antes tentou condicionar a decisão do TAD tendo até colocado em causa decisões recentes desse tribunal. Mas quando se fala na decisão do Conselho de Disciplina, já não há razões para qualquer contestação e a decisão de Meirim nem deveria merecer recurso por parte de Bruno de Carvalho, que ainda deveria ter pedido desculpa. Hilariante. 

Não sou especialista em direito, mas o que se pode dizer de alguém que ignora o conceito de "transito em julgado"? É que para quem não sabe o caso do túnel de Alvalade só acaba quando se esgotarem todas as hipóteses de recurso. E como foi prontamente anunciado pelo Sporting, haverá recurso para o TAD. 

A SportTV+ propaganda


Este senhor foi introduzido no programa como sendo um especialista em direito desportivo, mas ficou apresentado devidamente quando atropelou todos os princípios éticos e deontológicos, tendo decidido expressar uma opinião pessoal quando foi chamado para dar o seu ponto de vista legal. Tudo isto com a conivência e a bênção da SportTv. 

A opinião de qualquer um de nós sobre este caso é legítima. Agora, a Sporttv não pode permitir que alguém que foi chamado na condição de especialista em direito desportivo faça juízos de valor sobre o assunto. A não ser que a intenção seja mesmo a de usar um pretenso especialista para passar atacar o presidente do Sporting. Será?

Vejamos a sondagem feita pelo canal na sua conta de twitter.



Os senhores da Sporttv não colocam sequer a opção de Bruno de Carvalho estar inocente, o que é sintomático da ideia que querem fazer passar. Curiosamente, estes senhores também não conhecem o conceito de "transito em julgado" e já começaram a fazer julgamentos sumários. 

Mais um "Abreu"



Vamos a umas curiosidades:

Curiosamente, Fernando Veiga Gomes é associado da Abreu Advogados. A mesma firma que está a defender o Benfica em inúmeros assuntos, com especial destaque para a questão dos emails, como foi recentemente noticiado pelo Expresso. 

Curiosamente, também estamos a falar da mesma firma que conseguiu colocar 2 dos seus advogados em 4 possíveis no recente concurso para delegados da Liga. Isto através do vergonhoso método da pós-graduação, como já demonstrei em posts anteriores nomeadamente (aqui) e (aqui). 

Curiosamente, estamos também a falar da mesma firma de advogados que fez pareceres a favor de Frankc Vargas/Ferreira Nunes no valor de 18.450€ e pagos pelo Benfica, como recentemente foi divulgado pelo Porto Canal. 

Curiosamente, os autores desse parecer são Alexandre Mestre, antigo secretário de Estado do Desporto e Ricardo Costa, antigo presidente do Conselho de Disciplina da Liga cujo histórico é conhecido de todos. 

Mais uma curiosidade para fechar: Ricardo Costa, consultor da Abreu Advogados faz parte do TAD. Este senhor é vice-presidente do Conselho de arbitragem desportiva, órgão que escolherá os 8 árbitros para o processo de recurso que será interposto pelo Sporting.

E de curiosidade em curiosidade, de coincidência em coincidência, o polvo lá vai fazendo lei. Para fechar, deixo mais uma curiosidade. 

Benfica TV - A academia dos especialistas em direito desportivo



Ficam apenas 4 prints de participações distintas em programas do canal encarando. Coincidências...

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

domingo, 20 de agosto de 2017

O triste espectáculo de Jorge Sousa


Senhoras e senhores, aqui ficam alguns momentos da actuação de Jorge Sousa no jogo de hoje entre o Real e o Sporting B da II Liga. Relembro apenas que estes senhor foi considerado o melhor árbitro português em 2016/2017.

Como se organiza uma barreira




Já nem vou falar na forma como Jorge Sousa condicionou a formação da barreira neste lance que acabou por dar o golo do Real. Quero apenas deixar algumas perguntas no ar: É desta forma que um árbitro internacional deve falar com jovens jogadores? É este o exemplo que queremos dar? É esta a mensagem que queremos passar? Se Jorge Sousa estivesse a dirigir o jogo de microfone aberto para a transmissão televisiva, falaria desta forma? Será que este senhor fala assim com jogadores da I Liga. Perante Rui Patrício, Iker Casillas ou Júlio César falaria da mesma forma? A Liga vai assobiar para o lado? A UEFA vai deixar passar? A APAF valida este comportamento?

A expulsão de Abdu Conté


Não satisfeito com o espectaculo dado no lance com o jovem guardião leonino, Jorge Sousa ainda fechou o jogo com isto:


As perguntas estão lançadas. Fico a aguardar as respostas por parte das entidades oficiais.

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

O jogo da mala


De uma assentada o conselho de disciplina da FPF decidiu apresentar os veredictos de três dos mais mediáticos casos do futebol português nos últimos tempos: Vouchers, "jogo da mala" e o túnel de Alvalade. Começo pela análise ao "jogo da mala".

O jogo da mala


No dia 1 de Maio de 2016, João Gabriel - director de comunicação do Benfica por esta altura - fez um tweet sobre o jogo da mala. É importante referir que o tweet foi feito a um Domingo mesmo antes do início dos programas de comentário desportivo. De seguida toda a entourage de manipulação e propaganda encarnada tratou de colocar o assunto na agenda mediática.


No dia seguinte, Pedro Guerra lançou mesmo números para a mala alegadamente entregue pelo Sporting ao Vitória de Guimarães e a Sérgio Conceição.


Como podem verificar, Pedro Guerra afirmou de forma cabal ter conhecimento do que foi dito na palestra por Sérgio Conceição: "Já sabem o vosso prémio é 280 mil. Eu tenho 70 mil para a minha equipa técnica mas até vou repartir por vocês todos. Agora vão lá para dentro e temos é de tirar pontos ao Benfica e vale tudo." Tudo somado, Pedro Guerra afirmou que o Sporting ofereceu 350 mil euros ao Guimarães como incentivo para o jogo.

No final do campeonato Sérgio Conceição deu uma entrevista a Rui Santos onde afirmou que corre um processo contra Pedro Guerra por estas declarações.

Link (aqui)

É importante que as pessoas percebam que o "jogo da mala"foi uma teoria montada pela máquina de propaganda benfiquista numa fase decisiva do campeonato 2015/2016.

A abertura do inquérito


Quatro dias depois do tweet de João Gabriel, a imprensa noticiou que a Comissão de Instrução e Inquéritos (CII) da Liga tinha aberto um inquérito disciplinar relativo a este caso. É muito importante referir que o inquérito disciplinar foi aberto apenas e só com base nas insinuações e mentiras de Pedro Guerra, André Ventura, João Gabriel e restantes acólitos. Nunca existiu nem existe qualquer tipo de prova ou indicio de envolvimento do Sporting em qualquer prática de incentivo aos clubes que jogam ou jogaram contra o Benfica. Mesmo assim a CII foi célere a abrir um processo de inquérito.

O ponto final no processo


Na passada quarta-feira o Conselho de Disciplina anunciou o arquivamento do processo. Mais uma vez o acórdão não foi disponibilizado para consulta livre dos interessados. É esta a transparência preconizada por José Manuel Meirim e os restantes colectores de bilhetes duplos para os jogos do Benfica, que fazem parte deste órgão.

Mas, há sempre alguns jornalistas com acesso privilegiado a esta documentação. O jornal Record apresenta hoje uma notícia relativa a este caso. Vejamos:

Jornal Record 18.08.2017
Os presidentes do Vitória de Setúbal, Rio Ave, Marítimo, Vitória de Guimarães e Nacional da Madeira negaram ter recebido qualquer tipo de promessa de recompensa por parte do Sporting. Neste lote de presidentes, há aqui muita gente que não gosta particularmente do Sporting, nomeadamente os presidentes do Vitória de Setúbal, Marítimo ou Nacional da Madeira.

Este processo foi uma autêntica fantochada que serviu apenas para desviar atenções e enxovalhar o nome do Sporting numa fase decisiva daquele campeonato. A CII foi conivente com este esterco ao abrir um processo baseando-se apenas nas declarações de Pedro Guerra e João Gabriel, dois artistas sem ponta de idoneidade para falarem sobre o que quer que seja.

O verdadeiro jogo da mala


Já vem sendo um hábito o facto de o Benfica acusar o Sporting de práticas que são recorrentes no Estádio da Luz. Como a verdade vem sempre à tona, três meses depois numa escuta do processo "Jogo Duplo" existe uma declaração de um dos escutados que afirma cabalmente que "o Benfica carregou uma equipa com 50 mil euros". Isto numa altura em que os encarnados estavam em extremas dificuldades para assegurarem a manutenção na II Liga. Podem saber mais sobre este assunto clicando (aqui).


Perante isto, alguém viu a Comissão de Instrução e Inquéritos (CII) da Liga a abriu inquérito relativamente a esta situação? É que neste caso não são meras declarações de assalariados do Benfica a lançarem lama para cima de um rival. Estamos perante alguém que obviamente não sabia que estava a ser escutado e que afirmou cabalmente que os encarnados carregaram um clube com 50 mil euros. 

Este caso é bem elucidativo do nível da CII da Liga e do Conselho de Disciplina, dois órgãos que continuam a assobiar para o lado em processos de real interesse e que pelo meio aceitam participar nestas palermices patrocinadas pela máquina de propaganda encarnada. Perante isto, o Sporting só tem de continuar a sua luta pela justiça e levar o caso ao tribunais civis, tal como fez Sérgio Conceição com Pedro Guerra. 

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)