" Mister do Café: Um apito das arábias

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Um apito das arábias


O futebol nacional não pára de surpreender os portugueses que tanto adoram este desporto. Mais uma semana, mais uma decisão absolutamente inacreditável por parte das instâncias que governam e regulam o futebol nacional.

Importa também referir que a imprensa, comentadores e derivados estão todos calados. Está tudo perfeito. No pasa nada! Vejamos:

A notícia


Na passada quarta-feira a comunicação social nacional anunciou que Jorge Sousa e Artur Soares Dias iriam apitar jogos nas arábias. 


Reparem a forma como este assunto foi tratado. Em todas as notícias nos jornais online foi referido o take da agência Lusa que cita uma fonte do Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol. 

Eu pergunto, eu assunto desta importância não merece uma comunicação formal por parte dos dirigentes do Conselho de Arbitragem? 

A comunicação oficial



Esta foi a única comunicação do Conselho de arbitragem sobre o assunto. No boletim de indisponibilidade divulgado no site da FPF, a justificação apresentada para a dispensa foi: "Nomeados para jogos internacionais". Ora, que lê isto até pode pensar que foram apitar algum jogo das competições Europeias ou de selecções. 

Money, money, money


O Conselho de Arbitragem da FPF, a FPF e a Liga de clubes deveriam ter como principal objectivo dar todas as condições para que a competição decorra da melhor forma possível. Com bons estádios, boas equipas, boa organização, justiça eficiente, regras claras, fair-play, etc.

Como se justifica então que o Conselho de arbitragem dispense aqueles que são considerados os dois melhores árbitros portugueses para apitarem jogos nas arábias? Ainda para mais numa fase decisiva do campeonato nacional, onde Benfica e Porto lutam taco a taco pelo primeiro lugar. Isto cabe na cabeça de alguém? 

Que eu tenha visto, o único programa que pegou no tema foi o Mais Transferências da TVI 24. Nesse programa, ouvi vários intervenientes referirem que os "árbitros foram ganhar a vida". É uma boa justificação. Uma boa forma de ganhar a vida é aceitarem vouchers. Um jantar à borla e a "gastar" para toda a família, também é uma boa forma de "ganhar a vida".

E os senhores do conselho de arbitragem, também ganharam algum? A FPF? A APAF? A Liga? 


Os reis da coação, perdão, cortesia


Para o jogo do Benfica em Braga, foi nomeado Tiago Martins. O mesmo árbitro que no último jogo em que apitou o Benfica fez isto...


A máquina de propaganda encarnada está a fazer tudo o que é possível a imaginável para condicionar o trabalho da equipa de arbitragem neste jogo. Começaram com um fortíssimo ataque ao Tiago Martins, por ter expulso Rui Vitória após o jogo. Esquecem-se que de acordo com o que foi noticiado pela imprensa, foi Hugo Miguel (árbitro de baliza)


Esta notícia foi lançada durante a noite e ontem numa fase em que o jogo do Dragão ainda não tinha acabado. O Record foi o primeiro jornal a publicar e de seguida seguiram-se todos os outros. Curioso não é? Ainda mais curioso fica se olharmos para isto (aqui).

A importância do jogo para o campeonato é visível aos olhos de todos. Neste sentido, por que será que os dois melhores árbitros foram dispensados para as arábias? Um destes árbitros deveria obrigatoriamente de estar neste jogo.


No calor da noite


No jogo de ontem do Porto, o Sr. Luís Ferreira mostrou toda a sua "categoria" ao marcar uma grande penalidade inexistente e ao expulsar um jogador do Tondela onde nem sequer há falta.



E assim vai o campeonato português, onde os melhores árbitros são dispensados para irem fazer pela vida e os que cá ficam também o fazem, mas de forma diferente.

Já que estamos numa de intercâmbio com os árabes, aproveitam e mandem vir árbitros de lá para apitarem os jogos da nossa liga. Piores não serão, de certeza absoluta.

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já. 

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

8 comentários:

  1. Ninguém põe mão nisto, o campeonato da mentira.

    ResponderEliminar
  2. Neste momento o que se discute em portugal é quem rouba mais.
    as nalgas estão doidas e os árbitros vão abrindo o olho a quem der mais.

    ResponderEliminar
  3. A reuniao de emergencia do orelhas com a comissao ja deixou o Jorge simao desconfiado do que podera vir acontece,vejam as declaracoes que ele fez.. Estas guerras constantes ja me inojam,ja nao tenho prazer nenhum em ver um jogo do nosso campoeonato..Estes dirigentes de clubes e associacoes estao a destruir o futebol,pelo ganho financeiro.. E quem der mais vence...

    ResponderEliminar
  4. Eu acho que neste caso nos devíamos poupar para lhes saltar em cima quando nos prejudicam. Deixem-nos ir lá para as Arábias em grande velocidade, que é da maneira que não nos vão lixar neste fim de semana nem vão dar colinho à carnidagem! Até penso que é pena é não ir também com estes mais aquela meia dúzia que nós sabemos e deixá-los ficar por lá todos até à idade da reforma do apito...

    ResponderEliminar
  5. Vocês só pensam no benfica e o porto vai comendo tudo de cebolada. O nosso problema é que estamos a papar o grupo de um presidente que está a tentar esconder a merda de trabalho que está a fazer no futebol com o conflito com o benfica. O resultado é este: benfica e porto a lutar pelo campeonato e nós a lutar com o Braga e o Guimarães pelo terceiro lugar. Eu vou votar Bruno de Carvalho mas estou farto da merda que anda a fazer no futebol e espero que apareça uma alternativa a sério para lhe pôr uns patins se continuar aos papeis com o nosso futebol.

    JRamos

    ResponderEliminar
  6. o pior é quando as viagens às arábias começarem a ser uma forma de pagar favores internos....

    ResponderEliminar
  7. Isto é uma excelente notícia .... não há desculpa agora para trazer árbitros internacionais a apitar os jogos nacionais .... internacionais quero dizer de outros países ....

    ResponderEliminar