terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Bruno de Carvalho, as eleições e os "papagaios"


Bruno de Carvalho escreveu ontem um longo post no Facebook sobre o momento leonino. Neste post farei uma reflexão às palavras do presidente sobre a questão eleitoral.

Os Paivas dos Santos e Abrantes Mendes



Sobre  os Paiva dos Santos, publiquei ontem um post. Podem ler (aqui).

Depois de ter sido derrotado por Filipe Soares Franco em 2006, Abrantes Mendes decidiu concorrer novamente às eleições do Sporting em 2011. As linhas mestras do "projecto" deste senhor eram: José Couceiro como Director desportivo, Dunga como treinador e uma comissão técnica para a escolha de jogadores. A estes 3 vectores adicionou um enorme conjunto de "lugares-comuns" e propostas da treta. Uma receita tão estranha que nem 2% dos votos conseguiu, mas isso não o impediu de ter um lugar de destaque na imprensa desportiva nacional.



José Carlos Lopes, jornalista da Antena 1 considera Sérgio Abrantes Mendes como "carismático". Carismático, não é propriamente a palavra mais ajustada para descrever este senhor, pelo menos na minha opinião. Vejamos o que disse a semana passada no programa "Tribuna de Honra" de AbolaTV.


"Mais um caso em que o Sporting desperdiça talentos. Não é só a nível dos jogadores, mas também ao nível de treinadores" disse Sérgio Abrantes Mendes

Importa esclarecer os leitores da forma como Leonardo Jardim saiu do Sporting.

Leonardo Jardim saiu do Sporting para o Mónaco. O clube da Liga Francesa pagou 3 Milhões de Euros ao Sporting (valor da cláusula de rescisão para clubes estrangeiros). A cláusula de rescisão para clubes portugueses era de 15 Milhões de Euros. Para além deste montante, o Sporting pode receber mais 3 Milhões de Euros por objectivos que treinador alcance.

Para fechar em beleza, Bruno de Carvalho blindou o regresso de Leonardo Jardim a Portugal até ao final da época 2017/2018. Se algum clube português quiser contratar o treinador até ao final dessa época terá de pagar a diferença entre os 15 Milhões da cláusula de rescisão para clubes nacionais e os valores recebidos pelo Sporting à data. Neste momento, se Leonardo Jardim regressasse a Portugal, o Sporting receberia 12 Milhões de Euros.


Leonardo Jardim foi o primeiro treinador "vendido" pelo Sporting. Esse facto deveria deixar Abrantes Mendes satisfeito. Nos últimos 30 anos, o Sporting estava habituado a pagar aos treinadores para saírem. Recordo que Godinho Lopes chegou a pagar a 4 treinadores ao mesmo tempo.

O facto de nem sequer conhecer a história recente do clube só pode deixar assustados os sócios do clube. Com representantes destes na televisões nacionais não vamos muito longe.

João Benedito



O mesmo jornalista que entrevistou Abrantes Mendes, decidiu falar também com João Benedito. Sobre o ex-jogador do Sporting e a sua possível candidatura já escrevi um post (aqui). Entretanto passaram mais 20 dias e o tabu mantém-se, havendo aqui uma curiosidade interessante. O jornalista da Antena 1 não questiona Benedito sobre uma possível candidatura. Por certo terá sido uma condição imposta pelo ex-jogador.

Continuo sem perceber o motivo para este tabu. Por que será que João Benedito não diz simplesmente que está a ponderar? É que é isto que dá a entender. Querer estar bem com "Deus e o Diabo" não me parece ser uma qualidade interessante para um Presidente do Sporting.

Candidatos a candidatos



Após a derrota frente ao Braga, os jornalistas estão muito interessados em avançar nomes para a disputa eleitoral no Sporting. Em apenas 24 horas já assistimos a um pouco de tudo. Candidatos a candidatos, candidatos "descandidatados", pséudo-candidatos ou ex-candidatos.

Já aqui disse que gostava que aparecessem candidatos à Presidência do Sporting. Mas para o fazerem têm de respeitar o clube e os seus associados. Algo que não está a acontecer.

- Será que custa muito fazer uma conferência de imprensa apresentando a lista e o projecto?

- Será que é preciso alimentar o tabu durante semanas a fio como está a fazer João Benedito? Gosto que as pessoas assumam o que querem. Benedito anda a prestar declarações sobre o estado do clube sem assumir se é ou não candidato. Das duas, uma. Ou se cala e mantém-se a "ponderar" ou então assume-se como candidato e diz o que achar conveniente.

- Será que é preciso alimentar uma campanha negra nas redes sociais contra os actuais dirigentes, criando várias páginas com likes comprados? É este tipo de gente que quer representar o Sporting?

- Será que é preciso haver uma aliança entre Sportinguistas e Benfiquistas para tirarem Bruno de Carvalho da Presidência do Sporting? Não há Sportinguistas suficientemente capazes de fazerem uma campanha sem "muletas"?

- Será que estes "Sportinguistas" não têm vergonha na cara de se andarem a promover à conta do clube?

Ontem, pedi a intervenção ao Conselho Fiscal e Disciplinar do Sporting. Este circo mediático em torno do clube prejudica a instituição e vai contra os estatutos do clube. Se estes "Sportinguistas" não se sabem comportar, alguém tem de resolver o problema, e os estatutos do clube são claros.

Por princípio, respeito todos os sócios do Sporting, mas não posso respeitar quem não respeita o clube.

Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já.

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

19 comentários:

  1. Independentemente de tudo o que disse, com a qual eu concordo dizendo até que João Benedito se está comportar de uma forma completamente hipócrita. Age de uma forma como se os adeptos fossem parvos e passíveis de serem manipulados. Não sou nem uma coisa nem outra e quanto a este senhor por mim estamos conversados.Independentemente disso dizia eu, penso que é preciso também refletir sobre outras questões. E a verdade é que o nosso Presidente não pode reagir a tudo o que se faz e diz sobre o Sporting.Não pode. Se falamos de forma exaustiva ninguém nos ouve. Se falamos de forma cirúrgica toda a gente pára para nos escutar. Qual a dificuldade em peceber isso? Todos conhecemos a sua paixão pelo clube. Mas ser presidente não é isso. Na ânsia de defender os interesses do Sporting de forma acérrima acaba por ter o efeito contrário. E há muitos outros erros. Muitos. Este não é o problema. Ninguém é perfeito,nem os santos que estão nos altares. O problema é não aprendermos com os erros. E podem estar xertos que ninguém neste mundo me dá lições de sportinguismo. Ninguém. O Sporting é a minha paixão e quando as coisas não correm bem e isso acontece demasiadas vezes a minha vida perde muito do seu sentido.

    ResponderEliminar
  2. Mister, não sei se concorda, mas julgo que João Benedito será candidato...quase que podia apostar. Não é á toa que tem aparecido cada vez mais, não é á toa que a sua opinião é cada vez mais procurada por diversos jornais e jornalistas.

    Aquilo que me parece é que quem eventualmente estará por detrás da sua candidatura, estará a gerir a imagem de João Benedito para não o queimar e torná-lo num candidato forte para se opôr a Bruno de Carvalho.

    Oxalá esteja errado...

    DSilva

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não faço ideia se será candidato ou não. Parece-me claro que está a ponderar.

      Por isso é que as crónicas e entrevistas que tem dado não são benéficas para o Sporting. Que esclareça o que se passa e depois que diga o que quiser. É livre de o fazer.

      Eliminar
    2. Em primeiro lugar é mais o Benedito a ter a sorte de ter sido atleta do Sporting do que o Sporting ter tido a sorte de ter o Benedito como atleta; em segundo lugar o que disse Benedito publicamente sobre a luta dos Vouchers, o que disse sobre os títulos que a FPF roubou ao Sporting, o que disse mesmo sobre a arbitragem de Jorge Sousa, o que disse quando se afirmava em todo o lado que o presidente do Sporting tinha cuspido na cara do Pinho quando se via bem que era o vapor do cigarro eletrónico, o que disse Benedito sobre as campanhas constantes do CM e do Record contra o Sporting chegando mesmo a ser pior do que a bola? Se esteve calado perante tudo isto ou se quando falou disse apenas banalidades sobre "valências" e merdas dessas para mim não serve para Presidente do Sporting. Ele que seja presidente do clube do croquette ou coisa que o valha.

      Um sócio do Sporting.

      JRamos.

      Eliminar
    3. JRamos, ora ai está um excelente argumento que serve para o Benedito como para o Abrantes Mendes e outros da mesma linha.

      Uma palavra para o Dias Ferreira que tem estado sempre disponível para defender o Sporting. É mesmo o único ex-candidato com esta atitude.

      Eliminar
    4. Verdade. O Dias Ferreira primeiro é Sportinguista e depois é que é apoiante, opositor ou o que for da actual ou se qualquer outra direcção. Sabe distinguir as coisas.

      JRamos

      Eliminar
  3. Não coloco em dúvida, questão ou equação o seu Sportinguismo, pois quando diz "...a minha vida perde muito do seu sentido" entendo-o perfeitamente e conheço sinceramente o seu sentimento.
    Tenho só uma pequena dúvida que ressalta do seu comentário, que é a expressão "... mas presidente não é isso" ou de outros comentários "BdC não é presidente para uma instituição tão grande como o Sporting". Eu não consigo mesmo perceber o tipo de presidente a que se referem, olhando para as 2 últimas décadas eu não trocaria BdC por nenhum dos antecessores e olhando para as últimas 2 décadas dos nossos rivais fico com a mesma sensação. Por esta razão, e pode ser por falta de visão da minha parte, não consigo ter uma referência nem entender a que tipo de presidente se referem nem a que métodos pretendem que ele utilize.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu explico com prazer. É fácil para mim pois é o que sinto e que eu penso. O que eu quero dizer é que o cargo de presidente têm uma conotação muito institucional. O cargo deve ser desempenhado com mais formalismo. O nosso presidente comporta-se como adeptobe faz exatamente o contrário. E assim a mensagem perde eficácia além de que os danos colaterais ou seja o feed-back é terrível.Foi isto que quiz dizer. Claro é apenas a minha opinião. Apoio o nosso Presidente mas isso não significa que tudo o que ele faz, ele ou qualquer ser humano, esteja correto. Certo?

      Eliminar
    2. Certíssimo. Apesar de não estar de acordo. Os formalismos não resultaram, tanto financeiramente como desportivamente e, por essa razão, por enquanto, vou continuar a "dar crédito" a BdC. Abraço e Saudações Leoninas.

      Eliminar

  4. A estratégia do Benedito ou melhor de quem o manipula parece consistir em algo simples: Esperar por um momento favorável em que a direcção actual esteja fragilizada especialmente por uma sequência de maus resultados no futebol e eventualmente com o afastamento da luta pelas competições. Se por acaso esse momento não ocorrer, não chega sequer a avançar nem a expor-se, podendo sempre dizer que foi tudo especulação ou coisa parecida. Esperava isto de gente com veia necrófaga como o Rogério Alves ou assim. Do Benedito é que não esperava.

    ResponderEliminar
  5. Em relação ao Benedito... quase que garanto que ele não se candidatará. Nem em tal coisa pensou efectivamente. Há poucos meses foi Pai de uma menina linda que nasceu prematuramente e tem um negócio próprio que está a gerir sozinho, mal tem tempo para ele quanto mais para avançar para uma candidatura. Não que ele me tenha dito estou simplesmente a falar pelo que vejo. Parte da imprensa é que tem utilizado o bom nome do Ben junto dos Sportinguistas para atacar e colocar em causa a gestão de BdC.
    Quando se utiliza a expressão "Estado Lampiânico" não é à toa... ele existe mesmo (em sentido figurado, claro) e um dos grandes braços é mesmo a imprensa...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lá está, o Benedito não se pode deixar instrumentalizar. Se está a ponderar uma candidatura basta dizer isso mesmo à imprensa e aos Sportinguistas. Estar nesta situação de "nem carne nem peixe" não é boa para o Sporting nem para o próprio.

      Já o disse anteriormente e repito. Pelo seu Sportinguismo será sempre um nome a considerar.

      Eliminar
    2. O Benedito é que se tem deixado instrumentalizar pela imprensa!!??? Estão a falar a sério!!?? Por favor, e agora refiro-me especificamente ao autor deste blogue que até já me fez sentir orgulhoso como sportinguista, não me desiluda dessa forma! Por favor. Tudo o que tenho lido aqui é de uma pessoa inteligente,arguta,perspicaz e intuitiva.Honestamente não entendi embora perceba que não é fácil gerir todas as sensibilidades num espaço como este.

      Eliminar
    3. Seria um nome a considerar desde que não estivesse a servir de capa a gente que precisa de se esconder por estar associada a uma gestão que quase ditou o fim clube. O João Benedito ou qualquer pessoa que se disponha a servir de marioneta para essa canga, perde qualquer crédito que pudesse ter com a agravante de que no caso do Benedito não percebo exactamente que atributos é que tem e que o tornam assim tão "presidenciável". O que percebo é o marketing por detrás da escolha da personagem ou seja alguém jovem, que foi atleta do clube, com alguma popularidade, etc. No fundo tem o perfil ideal para projectar e ajudar a mascarar a verdadeira imagem de quem que está realmente por detrás dele.

      Eliminar
  6. Nao acredito que o Benedito avance. Vejo e gostava mais que Baltasar se assumisse ao inves de andar a tentar arranjar um testa de ferro.

    ResponderEliminar
  7. Primeiro penso que Abrantes Mendes não é um carismático do Sporting - carismático e Grande Sportinguista - era o seu pai, para mim AM é um sócio banal tal como eu e 99,99 % dos sócios. O problema da croquetada é que, não obstante alguns erros comunicacionais de BdC e o futebol não estar a correr como todos (os verdadeiros sportinguistas) queriam, BdC, apresenta no outro prato da balança, a reestruturação financeira, a compra de passe de jogadores na mão de Fundos ou empresas, as 50 modalidades, os mais de 150 mil sócios, a SportingTV, o contrato com a Nós, o Pavilhão, as maiores vendas da história do clube J. Mário (40+5 milhões de Euros) e Slimani (30+5 milhões de Euros) e a competitividade da equipa profissional de Futebol que a época passada que lutou pelo título até ao último minuto do último jogo. Last but not least, esta direcção (sim são uma equipa, não é só BdC, apesar de ser ele a dar a cara) devolveu o orgulho de ser sportinguista a milhões de portugueses e isso não tem preço. Para finalizar, depois deste curriculum que mencionei (de BdC e restante direcção) é preciso a qualquer candidato ter muita coragem e uma muito boa equipa. E mesmo assim, e mesmo que a equipa profissional de Futebol falhe todas as metas, nesta altura ninguém baterá BdC e se ele tiver paciência de chinês (como sói dizer-se) e não falar muito ou estiver mesmo calado, ganha de goleada. P.S. - Aconselho a que visitem o blog herdeiros de alvalade e leiam o post, as provas do casamento entre Carnideda e a oposição no Sporting. Não faço parte do blog, li por acaso e fiquei mais esclarecido. Saudações Leoninas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O AM até foi durante algum tempo um opositor ao regime do croquette só que a dada altura foi absorvido. A razão para isso foi a mulher ter sido integrada na superestruturadirectiva do Godinho onde houve lugar para tudo.

      Eliminar